Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

TECNOLOGIA

PlayStation Store não vai mais oferecer filmes e culpa streaming

Publicados

em


source

Olhar Digital

PlayStation Store vai passar por mudanças
Reprodução

PlayStation Store vai passar por mudanças

Em comunicado publicado no blog oficial, a Sony confirmou que, a partir de agosto deste ano, não será mais possível usar a PlayStation Store para a compra ou aluguel de filmes. Segundo a empresa, o crescimento do streaming é o “culpado” pela medida.

Você viu?

No texto, a Sony Interactive Entertainment (SIE) disse que qualquer oferta que já tenha sido adquirida continuará acessível normalmente, dentro dos consoles da marca PlayStation ou dispositivos móveis, mas nada mais será passível de compra ou aluguel pela loja virtual. Ou seja, mesmo depois da data, você continuará assistindo aos filmes que comprou normalmente – mas ninguém mais poderá comprar ou alugar outros títulos.

“Na SIE, nós trabalhamos para oferecer a melhor experiência para os fãs do PlayStation, e isso significa evoluir as nossas ofertas à medida que as demandas do consumidor mudam”, disse a Sony em um trecho do comunicado.

“Nós vimos um tremendo crescimento, da parte dos fãs de PlayStation, no uso de serviços de entretenimento via streaming por assinatura ou veiculação publicitária em nossos consoles. Com essa mudança no comportamento do cliente, nós decidimos que a PlayStation Store não vai mais oferecer a compra ou o aluguel de filmes e séries de TV a partir de 31 de agosto de 2021”.

Leia Também:  PlayStation 5 terá lançamento apenas em lojas online, informa Sony

É difícil medir o quanto de audiência esse tipo de comércio obteve dentro da PlayStation Store , uma vez que os números de downloads e aquisições não eram exatamente públicos. Entretanto, há quem possa notar a falta de algumas ofertas específicas: ‘Kingsglaive: Final Fantasy XV’, por exemplo, foi uma animação que corria em paralelo ao jogo ‘Final Fantasy XV’, da Square Enix – e o longa saiu primeiro na plataforma de e-commerce do PlayStation 4 .

Por outro lado, a interface do PlayStation 4 (e PlayStation 5 ) sempre ofereceu suporte a serviços externos, como o Crunchyroll (para fãs de anime) e a Netflix – ambos, inclusive, trazem apps dedicados para serem baixados e instalados nos consoles. Então pode ser que a oferta de streaming tenha canibalizado a compra e aluguel direto de filmes.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

TECNOLOGIA

Facebook permite exportar seus posts para Google Docs e WordPress

Publicados

em


source

Tecnoblog

Facebook libera novo recurso
Unsplash/NeONBRAND

Facebook libera novo recurso



Você já podia baixar todos os posts que publicou no Facebook ; agora, a rede social permite transferir esse conteúdo diretamente para serviços de terceiros. É possível migrar as publicações para o Google Docs e para o WordPress graças a uma integração lançada nesta segunda-feira (19). Explicamos a seguir como esse backup funciona.

Você viu?

A exportação faz parte do DTP (Data Transfer Project), projeto lançado em 2018 com apoio do Facebook , Apple , Google , Microsoft e Twitter para facilitar a transferência de dados entre serviços online. Graças a essa iniciativa, você consegue baixar suas fotos e vídeos para o Google Fotos e Dropbox .

Agora, o Facebook também permite que você coloque seus posts e suas anotações no Google Docs. Não dá para escolher as publicações: é tudo ou nada. E você precisará conceder duas permissões ao Facebook em sua conta Google:

  • ver, editar, criar e excluir apenas os arquivos do Google Drive que você usa com este app;
  • ver, criar e editar todos os arquivos do Documentos Google a que você tem acesso.
Leia Também:  Bolsonaro e ministro Fábio Faria fazem primeira ligação via 5G do Brasil

Esse acesso parece um pouco amplo: o Facebook precisa mesmo ter acesso a todos os documentos de texto que estão na minha conta? Pelo menos, ele não poderá ver outros tipos de arquivo que você guarda no Google Drive.

Feito o backup, seus arquivos ficarão em uma nova pasta chamada “Transferred Docs [data e hora]”. Cada documento tem o nome “Facebook Post: [data e hora]”. Eu uso a rede social em português, mas os títulos ficaram em inglês mesmo.

A migração tenta ao máximo preservar links, imagens e vídeos presentes nos posts, mas não consegue lidar com alguns itens mais complexos, tal como GIFs animados (só mostra o primeiro quadro) e enquetes (só aparece a pergunta que você fez, não as opções nem os resultados).

Como fazer backup de posts do Facebook no Google

Em meu teste, o processo foi bem fácil. Estes são os passos que você deve seguir:

  1. visite o site facebook.com/dtp e confirme sua senha;
    • você também pode seguir o caminho Configurações e Privacidade > Configurações > Suas informações no Facebook > Transfira uma cópia das suas informações.
  2. na página Transfira uma cópia das suas informações , selecione a opção Posts ;
  3. na seção Escolha o destino , selecione a opção Google Docs e clique em Avançar ;
  4. na página que se abre, faça login com sua conta do Google ;
  5. o Facebook pedirá acesso para colocar os arquivos no seu Google Drive, então clique em Permitir ;
  6. aguarde alguns minutos enquanto seus posts são transferidos.
Leia Também:  Como uma luva: Sony anuncia novo controle do PlayStation 5; conheça

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA