Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

ASSASSINATO

Veja vídeo: Irmão de prefeito atira e mata candidato a vereador após live

Publicados

em

O político Cássio Remis, candidato a vereador pelo partido PSDB  da cidade de Patrocínio, em Minas Gerais, morreu após ser atingido por um tiro disparado pelo irmão do prefeito e secretário de obras do município, Jorge Marra, na tarde desta quinta-feira (24).

Marra, que está foragido, já era suspeito do crime por aparecer interrompendo uma transmissão ao vivo do candidato a vereador, que denunciava condições das ruas na cidade. “Está aqui agora o secretário querendo chegar para me agredir”, diz o candidato, enquanto mostra um homem de máscara descendo de um veículo antes de ter transmissão interrompida.

Imagens de uma câmera de segurança do local do crime, reafirmaram a suspeita e mostraram o suspeito buscando uma arma no carro e disparando contra a vítima. Cinco tiros atingiram Cássio Remis, que morreu na hora.

O corpo do candidato é velado na Câmara Municipal de Patrocínio na manhã desta sexta-feira (25). Testemunhas do crime devem ser ouvidas nesta sexta-feira. O prefeito da cidade e irmão do suspeito, Deiró Marra, informou que pediu a exoneração do secretário do cargo. A prisão preventiva do suspeito vai ser pedida pela polícia civil.

Leia Também:  Bocas de fumo são fechadas na capital e cidades do interior; dez foram presos

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, divulgou nota de pesar considrando o assassinato como “brutal”. “É inadimissível que o ambiente político se transforme nisso”, disse, prestando solidariedade à família e pedindo a prisão do suspeito.

Veja, abaixo, vídeo de câmeras de segurança que mostram momento do crime:

Fonte: IG

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍCIA

Crimes de roubo têm redução de 30% no estado de janeiro a setembro

Publicados

em

As ações repressivas deflagradas em todo o estado de Mato Grosso resultaram na redução de 30% nos crimes de roubos (quando há violência). Os dados correspondem ao período de janeiro a setembro deste ano, em comparação com 2019. Na modalidade furto, a queda também foi de 30%.

Os dados são da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), por meio da Superintendência do Observatório de Segurança Pública, e o quantitativo é obtido mediante os registros de Boletim de Ocorrência (B.O) das 15 Regiões Integradas de Segurança Pública (Risp’s), que contemplam os 141 municípios de Mato Grosso.

Nos primeiros nove meses de 2020, foram registradas 7.555 ocorrências de roubo. Já no mesmo período do ano passado somaram 10.820 casos. Ainda neste ano, foram 23.726 registros de furto contra 34.087 no mesmo período de 2019. O total de roubo e furto equivale as ocorrências em residências, estabelecimentos comerciais, pedestres, entre outros.

O secretário adjunto de Integração Operacional da Sesp-MT, Coronel PM Victor Fortes, ressalta que mesmo com um ano atípico por conta da pandemia, as forças de segurança continuaram atuando firmemente no combate à criminalidade, reforçando o policiamento, as ações integradas e as investigações criminais.

Leia Também:  Agricultura declara áreas livres de aftosa sem vacinação em parte de Mato Grosso

“O empenho das forças de segurança e o comprometimento dos profissionais foram primordiais para alcançar os resultados. A Secretaria fortaleceu a integração tanto na atividade de inteligência quando na atuação operacional entre as instituições, com ações preventivas e repressivas no enfrentamento aos principais índices criminais, principalmente aos crimes contra a vida e o tráfico de drogas. Nosso objetivo é continuar ampliando as nossas ações”, enfatiza.

Ainda segundo o secretário, todas as Risp’s apresentaram reduções nos crimes de furto. Já em relação ao crime de roubo, somente as Regiões representadas pelas cidades polos de Barra do Garças e Nova Mutum tiveram aumento de 5% e 20%, respectivamente.

As outras 13 Risp’s são representadas pelos municípios de Cuiabá, Várzea Grande, Sinop, Rondonópolis, Cáceres, Tangará da Serra, Juína, Alta Floresta, Vila Rica, Primavera do Leste, Pontes e Lacerda, Água Boa e Guarantã do Norte.

Veículos

De janeiro a setembro, Mato Grosso registrou queda de 30% nos números de veículos roubados. Foram 1.027 roubos em 2020 contra 1.464 no mesmo período de 2019. Já os crimes de furtos reduziram 23%. Saiu de 1.810 ocorrências em 2019 para 1.394 em 2020.

Leia Também:  Witzel é afastado no Rio, Bolsonaro se diverte e o Estado amarga a sexta prisão de governador em 4 anos

Fazem parte das forças de segurança a Polícia Militar (PM-MT), Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT), Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Sistema Penitenciário e Sistema Socioeducativo.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA