Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

ENCAMINHADOS

Policiais militares prendem suspeito por esfaquear quatro pessoas em festa

Publicados

em

A Polícia Militar prendeu um homem de 35 anos por esfaquear quatro pessoas, em uma festa, em Primavera do Leste. As vítimas (uma mulher e três homens) foram encaminhadas com lesões pelo corpo à Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Os policiais foram informados que quatro pessoas feridas por arma branca haviam dado entrada no hospital. Segundo as vítimas, eles estavam em uma festa na Rua Julio Pissete. Quando o suspeito que participava do evento ficou alterado e tentou agredir sua ex- esposa. As vítimas saíram em defesa da mulher, quando o homem que portava um canivete, desferiu diversos golpes neles.

A mulher foi ferida no braço esquerdo, um dos homens sofreu lesões no pescoço e outros dois sofreram diversas lesões nos braços, cabeça e tórax. Diante dos relatos, a PM iniciou as diligências e prendeu o suspeito em casa, no bairro São Cristóvão II.

O suspeito apresentava ferimentos na boca, no braço e na cabeça. Antes de ser conduzido à delegacia, ele precisou de atendimento médico. Os policiais identificaram que contra o homem ainda havia uma mandado de prisão em aberto, o documento foi expedido pela 1ª Vara Criminal e Cível de São José do Rio Claro.

Leia Também:  Três pessoas são detidas por envolvimento em homicídio

A ocorrência foi entregue à Polícia Judiciária Civil.

Serviço
A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque – denúncia 0800.65.39.39. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes.
COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍCIA

Polícia Civil cumpre ordens judiciais em investigação contra vereador

Publicados

em

A Polícia Civil em Rio Branco (356 km a oeste de Cuiabá) deflagrou nesta terça-feira (11.05) a Operação “Luva Branca” para cumprimento de mandado de busca e apreensão e indisponibilidade de bens em desfavor de um vereador do município de Lambari d’Oeste, que é investigado por furto qualificado.

A operação teve origem em investigações realizadas pela Delegacia da Polícia Civil de Rio Branco que apurou que vereador, que também é técnico de enfermagem do município, teria, durante o gozo de licença prêmio, se utilizado do cargo para enganar um idoso e subtrair seu cartão de crédito.

Segundo a vítima, o vereador marcou uma consulta que não foi solicitada por ela. Durante a realização de um exame, o servidor público pediu que o idoso fechasse os olhos por 15 minutos.

Após a consulta, a vítima foi ao banco e não encontrou seu cartão magnético. Para sua surpresa, ao tentar pedir o bloqueio do cartão, o idoso descobriu que alguém estava utilizando-o para realizar saques em sua conta bancária.

Ao conferir as filmagens da agência bancária, os policiais civis descobriram que o suspeito era o vereador e foi a única pessoa que esteve no banco no momento em que os saques foram realizados.

Leia Também:  Suspeito pela morte de mulher encontrada despida em construção é preso pela Polícia Civil

Em decorrência da operação, o vereador teve bens bloqueados em quantia equivalente ao prejuízo causado à vítima. Os policiais cumpriram busca em sua residência para localização do cartão bancário subtraído e de outros elementos que possam auxiliar a Polícia Civil no esclarecimento dos fatos.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA