Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

JOGO DO BICHO

Policiais do 1º BPM fecham comércio de salgados utilizado para o jogo do bicho

Publicados

em

Policiais militares do 1º Batalhão prenderam um homem de 55 anos por exploração e prática ilegal de jogos de azar, em Cuiabá. O suspeito que é comerciante  de salgados utilizava o estabelecimento para  o jogo do bicho. Máquinas de cartão, notas promissórias e mais de R$ 2,6 mil foram apreendidos na ação da PM.

 Por volta das 11 horas, a equipe de policiais foi acionada via 190 para checar uma denúncia de que um vendedor de salgado estaria utilizando o local para a exploração de jogos de azar(jogo do bicho) no bairro Areão.

 A PM foi até o local denunciado e na checagem encontrou folhetos com a tabela de jogos, máquina de cartão, caderno de anotações com os jogos  e R$ 2,6 mil em dinheiro. Em depoimento aos policiais, o suspeito confessou o crime e disse que a máquina de cartão apreendida seria da empresa controla o jogo do bicho, por isso o aparelho não possui o nome da marca.

 O suspeito recebeu voz de prisão e todo o material encontrado foi apreendido pela PM. Os policiais identificaram que no caderno localizado estava estampada a palavra jogo e havia anotações de apostas recentes como uma realizada no último dia 19 no valor R$ 4 e na data de ontem(25.11) no valor de R$ 12.

Leia Também:  Policiais prendem dupla e identificam casas usadas como ponto de venda de entorpecente

 O homem foi conduzido à delegacia. A ocorrência foi entregue à Polícia Judiciária Civil.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque – denúncia 0800.65.39.39. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍCIA

Ação integrada fiscaliza posto de combustível na Capital

Publicados

em

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor (Decon), realizou na manhã desta quinta-feira (14.01), na Capital, uma ação de fiscalização em conjunto com o Procon Municipal e Instituto de Pesos e Medidas de Mato Grosso, em um Posto de Combustível.
O trabalho integrado foi deflagrado para averiguar denúncia anônima contra o estabelecimento, localizado no bairro Rodoviária Parque, em Cuiabá. O denunciante/consumidor procurou a delegacia para registrar a ocorrência, depois de abastecer no posto e desconfiar da quantidade do combustível.

Conforme o delegado da Decon, Rogério Ferreira, a operação foi prejudicada pela falta de combustível em algumas das bombas do posto fiscalizado, não tendo sido constada a adulteração ou erro de vazão nas bombas e bicos de combustível aferidos pelo IPEM.

“A Polícia Civil apura todas as denúncias que chegam à Decon e continuará realizando ações em conjunto com outros Órgãos para apurar eventuais ilícitos penais e irregularidades administrativas que estejam lesando o consumidor”, destacou o delegado Rogério Ferreira.

 

 

Fonte: PJC MT
Leia Também:  Confiança do empresário do comércio em Cuiabá tem primeira retração em 2019

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA