Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

OPERAÇÃO

Polícia Civil apreende três armas de fogo e prende quatro pessoas

Publicados

em

A Polícia Civil, através das Delegacias de Comodoro e Campos de Júlio, prendeu quatro pessoas e apreendeu três armas de fogo durante a Operação Lua Nova, deflagrada, para coibir tráfico de drogas, extração ilegal de madeira e outros crimes na região do Vale do Guaporé.

Na operação, coordenada pelo delegado Ricardo Marques Sarto, foram realizadas abordagens de veículos que trafegavam na MT 235, na região da localidade conhecida como “Estrada dos Índios”, a cerca de 40 quilômetros da cidade.

Durante os trabalhos, os policiais abordaram uma camionete com quatro homens, três deles em portando armas de fogo. Os suspeitos não possuíam porte de arma, além de uma delas não ser registrada.

Em continuidade aos trabalhos da operação, já no perímetro urbano da cidade de Comodoro, foi realizada a abordagem de mais uma camionete, cujos ocupantes estavam ingerindo bebida alcoólicas.Diante dos fatos, as armas foram apreendidas, sendo um revólver calibre 38, uma pistola 9 mm, e um rifle calibre 22, além de diversas munições dos respectivos calibres. Os três homens foram conduzidos à delegacia, onde após serem interrogados foram autuados em flagrante por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

Leia Também:  PM monitora casa e encontra 32 quilos de maconha em Rondonópolis

Os policiais realizaram o teste do etilômetro no motorista que estava em visível estado de embriaguez, dando resultado positivo com 0,61 mg de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões. Evidenciada a situação de embriaguez, o suspeito foi encaminhado para a Delegacia, onde foi autuado em flagrante pelo artigo 30 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB)

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍCIA

Polícia Civil prende mulher que abriu conta no nome da mãe

Publicados

em

Uma mulher que usou o nome da própria a mãe para prática de estelionato pela internet, conhecido como “Golpe da OLX” foi presa em flagrante pela Polícia Civil, na sexta-feira (15.10), após ser identificada em investigações da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá).

A suspeita de 20 anos utilizou os dados da mãe para abrir uma conta bancária em que eram recebidos os valores adquiridos com os golpes e foi autuada em flagrante por estelionato. A ação resultou ainda no bloqueio de R$ 45 mil subtraídos da vítima.

As investigações iniciaram após os policiais da Derf receberem informações sobre uma vítima da cidade de Goiânia (GO) que sofreu um golpe de estelionato referente a compra de um veículo SW4 e depositou o valor de R$ 80 mil na conta de uma mulher na cidade de Rondonópolis.

Com base nas informações passadas, os policiais da Derf Rondonópolis iniciaram as diligências conseguindo localizar a proprietária da conta. Durante a conversa, foi verificado que a ação foi esquematizada pela  filha dela, que usou os dados da mãe para abrir uma conta que seria utilizada para receber valores de golpes. A suspeita receberia o valor de R$ 500 pelo empréstimo da conta.

Leia Também:  Polícia Civil cumpre mandados de prisão contra dois homens

Diante dos fatos, a jovem foi detida e encaminhada à Derf de Rondonópolis, onde após ser interrogada foi autuada em flagrante por estelionato. Ainda em continuidade aos trabalhos, foi possível fazer o bloqueio na conta de R$ 45 mil subtraídos e que serão restituídos á vítima.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA