Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

DESCOBERTO

Operação identifica beneficiários ilegais de auxílio federal e localiza foragidos da Justiça

Publicados

em

A Polícia Civil de Poxoréu (251 km ao sul de Cuiabá) identificou usuários cadastrados para recebimento ilegal de benefício emergencial pago pelo Governo Federal. Duas pessoas que estavam na lista de beneficiários irregulares foram presas, contudo, em decorrência de mandados judiciais expedidos por outros crimes.

A operação “Keep Walking”, coordenada pelo delegado Rafael Fossari, foi deflagrada nesta quarta-feira (02.12), após diligências da Polícia Civil apurarem que havia pessoas que requereram o auxílio emergencial federal, mesmo estando com pendência com a Justiça.

Duas pessoas investigadas por receber o auxílio e que estavam foragidas da Justiça tiveram os mandados cumpridos pela Polícia Civil.

As ordens judiciais de prisão, cumpridas contra um homem e uma mulher, são oriundas dos estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Os dois têm condenações por tráfico de drogas.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Multa por "Não Identificação do Condutor" evita impunidade e deve reduzir infrações
Propaganda

POLÍCIA

Ação integrada fiscaliza posto de combustível na Capital

Publicados

em

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor (Decon), realizou na manhã desta quinta-feira (14.01), na Capital, uma ação de fiscalização em conjunto com o Procon Municipal e Instituto de Pesos e Medidas de Mato Grosso, em um Posto de Combustível.
O trabalho integrado foi deflagrado para averiguar denúncia anônima contra o estabelecimento, localizado no bairro Rodoviária Parque, em Cuiabá. O denunciante/consumidor procurou a delegacia para registrar a ocorrência, depois de abastecer no posto e desconfiar da quantidade do combustível.

Conforme o delegado da Decon, Rogério Ferreira, a operação foi prejudicada pela falta de combustível em algumas das bombas do posto fiscalizado, não tendo sido constada a adulteração ou erro de vazão nas bombas e bicos de combustível aferidos pelo IPEM.

“A Polícia Civil apura todas as denúncias que chegam à Decon e continuará realizando ações em conjunto com outros Órgãos para apurar eventuais ilícitos penais e irregularidades administrativas que estejam lesando o consumidor”, destacou o delegado Rogério Ferreira.

 

 

Fonte: PJC MT
Leia Também:  Policiais que atuaram na Derf Primavera do Leste recebem moção de aplausos

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA