Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

MULHER

Expulsa da escola por expor estuprador, adolescente ganha briga judicial

Publicados

em


source

Em outubro de 2019, a norte-americana Aela Mansmann, 15 anos, fez uma publicação nas redes sociais que repercutiu em todo o país. A adolescente tirou uma foto no banheiro da escola, Cape Elizabeth, no estado de Maine, Estados Unidos, onde aparece um post-it no espelho com os seguintes dizeres: “Há um estuprador em nossa escola e você sabe quem é”. 

foto de post it no espelho
Reprodução/Facebook

Aela Mansmann com um post-it escrito: “Há um estuprador em nossa escola e você sabe quem é”

Depois do post da jovem, outras alunas passaram a deixar mensagens em post-its nos banheiros do colégio com pequenos relatos dos abusos que estavam sofrendo. Após a repercussão, a escola suspendeu Aela com a alegação de que a adolescente teria praticado bullying com a sua publicação, mesmo não tendo identificado quem seria o “estuprador”. 

Em entrevista ao site BuzzFeed News, a adolescente explica que estava “de saco cheio” pela quantidade de assédio e abuso que suas colegas contavam ter passado. Aela também estava cansada de ver os agressores livres sem qualquer consequência. Por isso, decidiu se manifestar. 

Leia Também:  Ganha Tempo Cristo Rei será inaugurado nesta sexta-feira (21)

Os pais de Aela entraram na justiça para cancelar a suspensão da adolescente e conseguiram. A escola recorreu e o caso foi para a segunda instância, mas, na quinta-feira (6), uma corte federal em Boston decretou que a suspensão deveria ser derrubada. Para Aela, essa decisão é uma vitória para as estudantes e defensores de vítimas de violência sexual. 

A adolescente afirma vai continuar usando sua voz para falar por vítimas de estupro e pretende trabalhar para que escolas de todo o país mudem suas políticas em relação a agressões sexuais.

Fonte: IG Mulher

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MULHER

Romana Novais rebate críticas a nome da filha : “Qual problema ter nome de pet?”

Publicados

em


source

Romana Novais é casada com o DJ Alok e está grávida pela segunda vez. A médica já é mãe do pequeno Ravi,  a quem deu à luz em um parto humanizado e depois teve dificuldades na amamentação . Agora, ela espera uma menina e gravou um vídeo com o marido para revelar o nome da nova herdeira.

Romana Novais e Alok decidem chamar a filha de Raika
Reprodução/Instagram

Romana Novais e Alok decidem chamar a filha de Raika

“O vento, que às vezes tira algo de nós, é o mesmo que traz o amor, que dá sentido à vida. O amor nunca se divide, ele multiplica. Filha estamos muito felizes”, disseram Alok e Romana no vídeo, e ao final da narração apareceu o nome Raika escrito. 

Na legenda do post, a médica contou a origem do nome. “Bonita (de origem espanhola) e deusa do vento (sânscrito). Filha, você já chegou me permitindo sentir as melhores emoções”, ela escreveu. 

Leia Também:  Bolo de Chevette? Noivos ganham bolo de casamento inusitado

Porém, após revelar o nome que a menina terá, Romana começou a receber críticas. Os seguidores dela questionaram as origens do nome e disseram que esse é um nome para animais de estimação. “Raika tem duas origens. Você acha que eu não iria pesquisar a fundo o nome que eu escolhi para minha filha? E qual o problema de ter nome de pet? O que importa é o significado para nós. Além de ser forte e de muita personalidade. Você tem a opção de não curtir, assim como eu acho o seu muito comum. Gosto de nomes diferentes!”, rebateu a mãe de Ravi e Raika.

Fonte: IG Mulher

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA