Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

MATO GROSSO

Nexa quer empregar 50% de mulheres no quadro de sua operação em Aripuanã (MT)

Publicados

em

A Nexa assinou uma carta compromisso para ampliar e fortalecer a presença das mulheres na mineração. O documento, assinado pelo CEO Tito Martins, integra a empresa à iniciativa liderada pelo movimento Woman In Mining Brasil (WIM Brasil) e apoiada pelo Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram). Consolidado no início de 2019, o WIM Brasil tem como objetivo ampliar e fortalecer a participação das mulheres no setor minerário.

Segundo informações da mineradora, o ato reafirma o compromisso da Nexa em promover a inclusão feminina em suas operações e projetos e o Projeto Aripuanã, que está em fase de implantação no noroeste do Estado, caminha a passos largos nessa direção. Em parceria com o Senai MT, a Nexa está desenvolvendo o Programa de Qualificação Profissional para formação de jovens e adultos do município e região para o mercado de trabalho em geral. Das 500 vagas ofertadas, 54% foram preenchidas por mulheres.

Para o gerente geral de Mineração do Projeto Aripuanã, Rodrigo Fonseca, a construção da mineração do futuro passa pelo avanço da participação de mulheres no setor. “Desde sua concepção, o Projeto Aripuanã foi pensado para ser referência na valorização da mão de obra feminina, especialmente na fase de operação. O acordo firmado pela Nexa certifica o que já estamos construindo em Aripuanã. Sempre entendemos que lugar de mulher é onde ela quiser, inclusive na mineração”, avalia.

Leia Também:  Confiança do empresário de MT está acima do registrado em outubro de 2018

Josiane Seixas, gerente de Planejamento de Mina do Projeto Aripuanã, ilustra bem esse princípio. Formada em Engenharia de Minas e com mais de 15 de anos de atuação na mineração, avalia que o setor está cada vez mais aberto a mão de obra feminina, inclusive para cargos de liderança. “O cenário mudou ao longo dos anos e é uma conquista para todo o mercado, não só da mineração. Ser mulher não impede de exercer a minha profissão”, considera. 

O Women in Mining é um movimento internacional que busca aumentar a participação das mulheres em todos os níveis, principalmente em cargos de liderança, transformar a indústria mineral em um setor mais inclusivo e diverso; fomentar a contratação de empresas com lideranças femininas e empoderar as mulheres presentes nas comunidades.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

MATO GROSSO

MPMT lança edital para credenciamento de banco de peritos

Publicados

em


.
Com o objetivo de agilizar a realização de vistorias e análises técnicas em procedimentos investigatórios e administrativos, o Ministério Público do Estado de Mato Grosso lançou edital para credenciamento de profissionais e pessoas jurídicas interessados em prestar serviços de perícia, estudos, pareceres técnicos, coleta e exames. Os valores dos honorários são definidos de acordo com a complexidade do trabalho técnico e variam de R$ 711,00 a R$ 2.400,00.

O procurador-geral de Justiça, José Antônio Borges Pereira, ressalta que o  banco de peritos possibilitará a realização de perícias em demandas que exigem um apoio mais especializado, tanto na área administrativa quanto em procedimentos investigatórios, e com isso o Ministério Público terá condições de dar uma resposta mais ágil e eficaz à sociedade. A regulamentação do procedimento de cadastro, seleção, designação e pagamento dos profissionais e laboratórios que prestarem serviços de forma auxiliar às demandas apresentadas nos Centros de Apoio Operacional se deu por meio de Ato Administrativo.

“O edital que acaba de ser lançado traz todas as informações para os profissionais e empresas interessados em prestar serviços ao Ministério Público. Ao todo, foram contempladas mais de 10 áreas. O prazo de vigência do credenciamento será de 36 meses, a contar da data de publicação do edital”, destacou o procurador-geral de Justiça.

Leia Também:  Polícias civis participam de operação para prender autores de roubos

ÁREAS CONTEMPLADAS: Contabilidade, engenharia civil, arquitetura e urbanismo, engenharia elétrica, laboratório de análise físico-química e microbiológica, medicina, farmácia, engenharia florestal, agronomia ou engenharia agronômica, geografia, biologia, engenharia ambiental, odontologia e tecnologia da informação.

Saiba mais sobre o Edital e os anexos que deverão ser preenchidos e encaminhados aoo e-mail ([email protected]) para inscrição, clicando aqui

Fonte:

COMENTE ABAIXO:



Continue lendo

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA