Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

MATO GROSSO

MT Hemocentro divulga agenda de coletas para março

Publicados

em

O MT Hemocentro encerrou o mês de fevereiro com um total de 1.609 coletas de doação de sangue aptas para serem utilizadas nas transfusões em pacientes internados nos hospitais e prontos-socorros públicos do Estado. Apenas com as campanhas internas de doação voluntária, foram atendidos 1.390 doadores; já nas coletas externas realizadas pela equipe do Hemobus, foram atendidos 219 voluntários aptos.

As campanhas continuam no mês de março, que conta com agenda interna e dez coletas externas – sendo a primeira delas na quinta-feira (07), na Praça da República, e a segunda no dia 8 de março, na Unidade de Saúde da Família do Bairro Despraiado, em Cuiabá.

Entre os dias 18 e 23 de março, o MT Hemocentro ainda promoverá campanha de doação interna entre os membros da Igreja Internacional da Graça.

Critérios para doação

– Ter idade entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos. Menores de 18 anos devem possuir consentimento formal do responsável;

Leia Também:  Miley Cyrus divulga a capa do álbum "Plastic Hearts"

– Pesar no mínimo 50 kg;

– Estar alimentado;

– Evitar alimentos gordurosos nas 3 horas que antecedem a doação. Caso seja após o almoço, o doador deve aguardar 2 horas;

– Ter dormido 6 horas nas últimas 24 horas;

– Apresentar documento de identificação emitido por órgão oficial com foto (Carteira de Identidade, Carteira Nacional de Habilitação, Carteira de Trabalho, Passaporte, Registro Nacional de Estrangeiro, Certificado de Reservistas e carteira Profissional emitida por classe).

Calendário de março

Serviço

O MT Hemocentro é coordenador e referência em hematologia e hemoterapia em Mato Grosso e atende à demanda sanguínea dos prontos-socorros de Cuiabá e de Várzea Grande, do Hospital Universitário Júlio Müller, do Hospital Municipal São Benedito e do Hospital Metropolitano de Várzea Grande. A unidade também é suporte para as 16 unidades de Coleta e Transfusão distribuídas na Hemorrede Estadual.

Para mais informações ou agendamento de campanha para a coleta de doação, entre em contato pelo número: (65) 3623-0044.

 

 

Credito: Governo de Mato Grosso

COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

ECONOMIA

Procon Estadual realiza sessão de julgamento da Turma Recursal

Publicados

em

Por

A Secretaria Adjunta de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon-MT) realizou nesta segunda-feira (12.04) a primeira sessão de julgamento da Turma Recursal de 2021. Durante a sessão, que ocorreu por videoconferência e foi presidida pelo secretário Edmundo Taques, foram julgados 98 processos.

Participaram também da sessão de julgamento os conciliadores de Defesa do Consumidor e relatores dos processos Claudia de Freitas, Michelle Fernanda Fortes, Rafael de Vasconcelos e Viviane Conte, além dos advogados representantes das empresas e que solicitaram participação para sustentação oral.

“Essa é a primeira sessão que realizamos no ano de 2021 com publicação de pauta no Diário Oficial do Estado. É também, a primeira sessão da turma recursal realizada por videoconferência, uma ferramenta importante que nos possibilita, neste momento de pandemia de Covid-19, dar seguimento aos nossos julgamentos tanto em primeiro quanto em último grau de recurso”, explicou o secretário Edmundo Taques.

De acordo com o secretário, a modernização dos procedimentos e a possibilidade de sustentação oral pelos advogados dos fornecedores garante mais transparência aos julgamentos do Procon-MT. “Nossa intenção é cumprir com o dever de transparência que a administração pública deve ter com o cidadão. A sustentação oral realizada pelos advogados enriquece os debates e aprimora as decisões”, salientou.

Leia Também:  Pabllo Vittar divulga a capa de seu novo álbum "111" Deluxe

Os processos administrativos iniciaram por reclamações registradas por consumidores ou por autos de infração aplicados pela Coordenadoria de Fiscalização, Controle e Monitoramento de Mercado, em que foram constatados descumprimento à legislação consumerista. Instituições financeiras, serviços de telefonia, empresas de varejo e serviços essenciais estão entre os fornecedores que foram julgados na sessão. A lista completa pode ser acessada no Edital, publicado no Diário Oficial do Estado, do dia 25 de março.

O julgamento

Durante os julgamentos, os processos são submetidos aos votos da Turma Recursal e do secretário adjunto do Procon-MT, em decisão colegiada. Caso seja mantida a penalidade, o fornecedor recebe a notificação com uma via do voto, que é a decisão final do processo, e o boleto para quitar a multa.

Após receber a notificação, o fornecedor tem 30 dias para efetuar o pagamento do boleto. Caso não seja efetuado o pagamento, a empresa é inscrita na dívida ativa do Estado, e executada pela Procuradoria Geral do Estado (PGE). A decisão no âmbito do Procon-MT é definitiva, sem possibilidade de recurso por vias administrativas.

Leia Também:  Após ataque de Kajuru, Luciana Gimenez divulga carta sobre machismo
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA