Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

HOMENAGEM

Ex-ministro Blairo Maggi lamenta falecimento do ex-governador Frederico Campos

Publicados

em

O ex-ministro da Agricultura, ex-governador de Mato Grosso e senador Blairo Maggi, lamentou através das redes sociais, o falecimento do ex-governador Frederico Campos nesta segunda (1).

Blairo enalteceu a presença política e os trabalhos prestado pelo então ex-governador.

Frederico estava internado com coronavírus em um hospital particular desde o dia 20 de fevereiro em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Ele chegou a ser vacinado contra a Covid no dia 13 de fevereiro, mas em decorrência da idade avançada, foi internado para acompanhamento médico já que seu estado de saúde inspirava cuidados, e não recebeu a segunda dose da vacina.

VEJA NOTA

Lamento profundamente o falecimento de Frederico Campos, que foi o 2º a governar Mato Grosso após a divisão que deu origem a Mato Grosso do Sul. Frederico também foi prefeito de Cuiabá por dois mandatos e deixa um legado na política e na história do Estado. Meus pêsames a todos os seus familiares e amigos.

Blairo Maggi e Família

 

 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Instituto Histórico cria moeda em alusão aos 300 anos de Cuiabá
Propaganda

GERAL

Mega-Sena acumula e prêmio vai para R$ 22 milhões

Publicados

em

Nenhum apostador acertou as seis dezenas do sorteio da Mega-Sena, realizado nesta quinta-feira (22), no Espaço Loterias Caixa, em São Paulo.

Os números sorteados no concurso 2.364 foram 20, 33, 42, 44, 51 e 56. O prêmio estimado para o próximo sorteio, no sábado (24), é de R$ 22 milhões.

A quina teve 180 ganhadores, com prêmio individual de R$ 8.467,06. Foram 1.719 apostas ganhadoras da quadra e o prêmio para cada uma é R$ 1.266,57.

As apostas na Mega-Sena podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio em lotéricas ou pela internet. A aposta simples, com seis dezenas, custa R$ 4,50.

Edição: Fábio Massalli

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Trilha de Morro de Santo Antônio, em Cuiabá, permanece interditada
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA