Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

VÁRZEA GRANDE

Kalil anuncia pagamento de salário e sinaliza por melhorias

Folha de pagamento coloca na economia local R$ 31,7 milhões e aquece as vendas no comércio e na indústria de uma maneira em geral

Publicados

em

O prefeito Kalil Baracat reafirmou seu compromisso com o funcionalismo público de Várzea Grande ao anunciar no final da manhã desta sexta-feira, 30 de abril, o cumprimento por mais um mês do Calendário de pagamento dos salários de 2021 e que pretende realizar a partir de 2022, quando terminarem os impedimentos de aumentos nos gastos com a folha de pagamento do funcionalismo, por causa da PEC de Auxilio aos Estados e Municípios de 2020, da realização de uma reforma administrativa que contemple todos os setores da gestão municipal.

Com uma folha de pagamento da ordem de R$ 31,7 milhões com salários e encargos sociais, o prefeito da segunda maior cidade de Mato Grosso frisou que o pagamento dos salários do funcionalismo público tem impacto positivo na economia local e garante que tanto os servidores e suas famílias planejem suas obrigações e afazeres, o mesmo acontecendo com o comércio e a indústria, já que parte considerável destes recursos serão gastos na própria cidade.

“O Poder Público tem no funcionalismo, a capacidade de assegurar saúde, segurança, educação, obras e social entre outras medidas, pois não se faz saúde sem médicos, enfermeiros, auxiliares, bem como não se faz saúde sem professores, técnicos; segurança pública sem guardas municipais; obras sem engenheiros ou pedreiros; políticas de auxilio sem assistentes sociais e por ai vai indo, por isso o servidor ou a servidoras são essenciais no dia a dia e na garantia de melhores políticas, pois o bom profissional faz com que o Poder Público esteja presente nas ações de interesse da população”, assegurou Kalil Baracat.

Leia Também:  Legislativo de Mato Grosso prorroga recesso das atividades administrativas

Ele pontuou que existe uma série de medidas que pretende colocar em prática ao longo dos próximos anos, mas é necessário que se faça com planejamento e respeitando os limites constitucionais de gastos, como novos concursos, promoções, enquadramentos, enfim tudo que for relativo para atender ao funcionalismo e o bem estar de toda a população que depende de um bom serviço para que as políticas públicas cheguem até a ponta e façam seu papel que é bem atender a todos.

A Equipe Econômica de Várzea Grande ressalta ainda como fundamental a boa relação entre o Poder Executivo e o funcionalismo público, para que os resultados esperados que é o bom atendimento a população aconteça dentro da normalidade.

“O compromisso do prefeito Kalil Baracat é manter o calendário do pagamento de salários dentro do mês trabalhado como já acontece desde 2015 em Várzea Grande”, disse a secretária de Gestão Fazendária, Lucinéia dos Santos Ribeiro.

Já para o secretário de Administração, Anderson Silva, constantemente a equipe analisa a capacidade financeira para promover estudos que no futuro permitam ao chefe do Executivo Municipal, recuperar o poder de compra dos salários. “O prefeito Kalil Baracat mantém sob constante análise a situação dos servidores públicos de Várzea Grande e os limites para gastos com a folha de pagamento, para se construir quando não houver mais impedimentos legais, uma política de valorização salarial, como mais ganhos e melhores condições de trabalho”, explicou o secretário.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

EXECUTIVO

Max Russi acompanha governador a 5 municípios para vistoriar obras

Publicados

em

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Max Russi (PSB), acompanhou o governador Mauro Mendes a cinco municípios de Mato Grosso, dois deles na região do Araguaia, nesta quarta (12) e quinta-feira (13).

No cronograma de ações, foram vistoriadas obras de infraestrutura, saúde e educação, que estão em andamento ou que terão início nos próximos dias, como a construção de 4 hospitais regionais em cidades polos. Russi reforçou a função e participação do Parlamento na efetivação de políticas públicas para o Estado.

“Todas essas decisões tiveram o apoio da Assembleia Legislativa na organização da questão financeira do Estado, nos projetos que chegaram a Casa de Leis e foram melhorados pelos deputados estaduais”, exemplificou o parlamentar.

A primeira a receber a comitiva, também composta por deputados estaduais, federais e senadores, foi Tangará da Serra, que na última quinta-feira (12) completou 45 anos de emancipação político-administrativa.

Lá está em andamento a obra de pavimentação da MT -240, que liga o município a Santo Afonso. Na cidade também será construído um hospital regional, com o intuito de atender toda aquela região. O roteiro incluiu a inauguração da Escola Estadual Vereador Bento Muniz, com 12 salas de aula climatizadas e uma visita a Escola Militar Tiradentes.

Leia Também:  Pinheiro relata maior dificuldade para fiscalização após decisão judicial

“Investir em educação é formar cidadãos de bem. O governador acerta, quando também prioriza essas ações e a Assembleia, com todos os seus deputados, está aqui para ser parceira, votar e propor projetos, que atendam às demandas de nossa sociedade”, reforçou Russi.

Os outros municípios, que receberam o grupo de autoridades, foram Juina e Alta Floresta. Em ambas também serão construídos complexos hospitalares estaduais. Na região do Araguaia, no caso Confresa e Porto Alegre do Norte, onde a pauta principal foi a instrumentalização da saúde, para que haja ampliação nos atendimentos, o Executivo visitou duas áreas, uma de cada município. O intuito é fazer uma avaliação técnica, para a implantação de hospital regional.

Além do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Max Russi e do governador Mauro Mendes, participaram das visitas os, secretários de Estado e os deputados estaduais: Ondanir Bortolini “Nininho”, Dilmar Dal Bosco, Romoaldo Júnior, Paulo Araujo, Doutor Eugênio, Wilson Santos, Doutor João, Elizeu Nascimento e Janaína Riva. Os deputados federais Juarez Costa, Carlos Bezerra e Neri Gueller, além dos senadores Jayme Campos e Carlos Fávaro também participaram das vistorias.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA