Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

ENTRETENIMENTO

Eric Clapton tentou livrar Maradona das drogas

Publicados

em


source

The Music Journal Brazil

undefined
Redação

Eric Clapton tentou livrar Maradona das drogas

A morte de Diego Armando Maradona , um dos maiores jogadores de futebol de todos os tempos, segue repercutindo. O astro argentino morreu no dia 25 de novembro aos 60 anos , deixando o esporte em luto e milhares de fãs, principalmente em seu país, estarrecidos.

E de acordo com a colunista Maria Laura Avignolo , do jornal argentino Clarín e o seu colega britânico Ian do The Observer decidiram revelar uma história que tem, como principal personagem, o lendário guitarrista Eric Clapton . O dono de clássicos como Layla , segundo os jornalistas, se empenhou para livrar Maradona dos vícios de drogas e do álcool.

De acordo com María Laura Avignolo , Eric Clapton fundou uma clínica para que ele se recuperasse do vício em heroína e cocaína. Isso foi em 1988. Naquela época, o desejo do guitarrista era ajudar Maradona . Houveram várias tentativas, até que Clapton conseguiu falar com o jogador.

“O guitarrista falou sobre sua admiração, seus demônios, a necessidade de se tratar, e sobre sua experiência. O jogador de futebol prometeu ir. Clapton se ofereceu para mandar alguém buscá-lo. Coppola estava animado, ele começou a ver a luz no fim do túnel.” , explicou Avignolo.

Leia Também:  Veja os 5 carros mais legais do craque argentino Diego Maradona

Contudo, Maradona nunca chegou a aceitar de fato o convite de Clapton. A clínica era situada no Caribe.

Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ENTRETENIMENTO

Médico responsável por lipo de Liliane Amorim lamenta morte da influencer

Publicados

em


source
Médico responsável por lipoaspiração de Liliane Amorim lamenta morte da influencer
Reprodução

Médico responsável por lipoaspiração de Liliane Amorim lamenta morte da influencer

A influencer Liliane Amorim morreu por complicações que sofreu após fazer uma lipoaspiração . O médico responsável pelo procedimento, Benjamin Alencar, se pronunciou declarando “profundo pesar pelo falecimento da paciente” e também se colocando à disposição para ajudar a família da paciente no que for necessário.

De acordo com o comunicado enviado ao Uol, a assessoria jurídica e de comunicação de Alencar defende que ele seguiu os procedimentos padrões para uma plástica. O médico também alega que realizou a lipoaspiração em um hospital de referência e “apropriado para o ato, observando rigorosamente todas as exigências regulamentares e legais”.

“Além disso, todas as normas técnicas para a realização do procedimento cirúrgico e do pós-operatório foram integralmente observadas, de acordo com as diretrizes do Conselho Federal de Medicina, da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e da lex artis para a prática da cirurgia”, continua o comunicado.

Leia Também:  Polícia apreende celulares, facas e drogas na frente de presídio feminino em Cuiabá

O médico também diz que prestou toda assistente necessária a Liliane Amorim no pré e no pós-operatório. “Para os profissionais de medicina, devotados à saúde de seus pacientes, a perda de uma vida representa enorme dor, tendo sido recebida, assim, com muita tristeza a lastimável notícia”, conclui o comunicado.

Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA