Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

ECONOMIA

Vendas do Dia das Mães impulsionam comércio e expectativa é de crescimento

Publicados

em

A segunda melhor data para o comércio, o Dia das Mães, tem projeção de crescimento de vendas entre 2% e 2,5%, conforme indicadores e Estudos Econômicos da Boa Vista SCPC.
A data só perde em vendas para o Natal, sendo um dos pontos fortes dos lojistas em termos de estratégias para atrair o consumidor que irá presentear as mães. Com isso, o movimento do comércio deve registrar resultado positivo pelo terceiro ano consecutivo.
Em Cuiabá, o comércio já está preparado para atender o consumidor, com uma infinidade de ofertas nos mais variados segmentos, que vão desde flores e chocolates, até eletroeletrônicos e eletrodomésticos, tudo para agradar as mamães.
O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Cuiabá (ACC) e da Federação das Associações Comerciais e Empresariais de Mato Grosso (Facmat), Jonas Alves, afirma que a data é uma oportunidade para o comerciante vender e que, portanto deve se preparar com produtos e formas de atrair o consumidor, como enfeites e promoções.
“O Dia das Mães é uma excelente oportunidade para aquecer as vendas. Portanto, é importante que os lojistas estejam preparados com promoções para atrair ainda mais os consumidores, pois se trata do presente da pessoa mais querida da nossa vida”, ressalta Alves.
A data originalmente é comemorada no segundo domingo do mês de maio no Brasil e homenageia a figura familiar materna. A primeira celebração no Brasil ocorreu em 12 de maio de 1918, em Porto Alegre, trazida dos Estados Unidos, após resolução aprovada no Congresso daquele país a pedido de uma filha, Anna Jarvis, que construiu um memorial em homenagem a mãe Ann Maria Reeves Jarvis e iniciou campanha em prol do reconhecimento da data.
Redação: Assessoria de Imprensa ACC/Facmat
COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Não há crescimento sem dor!
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

ECONOMIA

Governador abre oficialmente a 17ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

Mauro Mendes participou da abertura por meio de vídeo chamada e ressaltou a importância de se reinventar e realizar eventos voltados para a popularização da ciência

Publicados

em

Por

O governador Mauro Mendes participou de forma virtual – Foto por: Camila Paulino

O governador Mauro Mendes deu início as atividades da 17ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) – Inteligência Artificial: A nova Fronteira da Ciência Brasileira nesta terça-feira (20) realizada pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci). A programação segue até sexta-feira (23) das 9h às 17h em formato totalmente virtual transmitido pelo site do evento AQUI.

Durante a abertura do evento o governador Mauro Mendes, que participou por meio de vídeo chamada, ressaltou a importância de se reinventar e realizar eventos voltados para a popularização da ciência.

“A pandemia trouxe algumas desafios, dificuldades sim, abalos econômicos, mas também nos trouxe ensinamentos, nos impulsionou a buscar novas formas de se comunicar, de trabalhar e graças as ferramentas tecnológicas estamos aqui participando de forma virtual deste grande evento, que fomenta a ciência em Mato Grosso e que devemos cada vez mais investir e incentivar o setor”, disse o governador.

O secretário da Seciteci, Nilton Borgato, enalteceu os esforços do Governo para ampliar a ciência e investir nesta área.

Leia Também:  1º Fórum da Fecomércio-MT busca melhorar gestão comercial e trazer resultados sustentáveis à classe empresarial

“Nesta semana vamos mostrar a importância da ciência na nossa vida. Como nosso maior parceiro temos o governador do Estado que não mede esforços para melhorar e ampliar as ações voltadas a esta área tão importante para Mato Grosso”, reforçou o gestor.

O presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso (Fapemat), Marcos de Sá, disse que a parceria com a Seciteci incentiva e amplia a ciência no Estado.  “Conforme palavras do Governador Mauro Mendes, a Fapemat está aqui para incentivar e fomentar a pesquisa, sempre dando uma resposta direta à sociedade, e esse evento é de grande importância para a pesquisa e projetos de inovação”, disse.

A superintendente de Desenvolvimento Científico Tecnológico e de Inovação da Seciteci, Lectícia Figueiredo, explica que durante a SNCT, a Seciteci realiza a 12ª Mostra Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (MECTI) com apresentação de projetos.

“Ao todo foram selecionados 39 participantes que vão apresentar alguma pesquisa ou projeto científico nas categorias Ciências; Engenharias e Economia Criativa”, falou.

A abertura contou com a apresentação da UFMT em Cordas. A programação da 17ª SNCT contará com lives e talks ao vivo transmitidas pela plataforma do evento, além de estandes virtuais. A exposição virtual dos projetos da 12ª MECTI também estará disponível no site oficial AQUI.

Leia Também:  Fiat Strada supera Hyundai HB20 nas vendas de agosto

A 12ª MECTI é realizada em parceria com o Instituto Farmun e conta o apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ) e o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI)

São parceiros da SNCT com a realização de exposições durante o evento em stands 360°: a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT), o Instituto Farmun, a Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso (FIEMT), o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e a empresa Titânia Telecom.

Durante a tarde foram realizados dois talk’s virtuais, um com o tema “Inteligência Artificial: um pouco além do Hype” com o professor da UFMT, Raoni Teixeira, seguida pela “Apresentação da Maratona Teen 2020” com o professor Lucas Bernardino e ainda a apresentação sobre Empatia com a professora da Unemat Jussara de Araújo. Por fim a live com o tema “Jovens Inspiradores” com os jovens Guilherme Weber, Roberta Scolari e Thallison Alves.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA