Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

ECONOMIA

Impostômetro registra que mato-grossenses pagaram quase 30 bilhões em impostos

Publicados

em

Os cofres públicos do Estado de Mato Grosso arrecadaram cerca de R$ 29.955 bilhões de 1º de janeiro a 22 de novembro de 2019 por volta das 13h30, segundo o Impostômetro da  Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio/MT).

No ano passado no mesmo período, Mato Grosso havia arrecadado aproximadamente R$ 28.283 bilhões, ou seja, em 2019 houve um aumento na arrecadação de R$ 1.672 bilhão.

Já no Brasil, o Impostômetro revela que os brasileiros desde o primeiro dia do ano até nesta sexta-feira (22), pagaram em média R$ 22.210 trilhões em impostos. Em comparação com o mesmo período do ano passado, o aumento é de R$ 102 bilhões aos cofres públicos.

O valor pago ao Governo Federal,  Estadual e Municipal custa aos contribuintes 33%, em média, de impostos sobre tudo o que é consumido, além do cálculo em monetário, o cidadão deve trabalhar cerca de 153 dias ao ano somente para estar quite com o fisco, de acordo com pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação – IBPT.

Leia Também:  Megaleilão de excedente do pré-sal exige aprovação da lei, diz Guardia

O Impostômetro considera todos os valores arrecadados pelas três esferas de governo a título de tributos: impostos, taxas e contribuições, incluindo as multas, juros e correção monetária.

Fonte: Fecomércio

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

ECONOMIA

Senado vota nesta quinta MP com R$ 20 bi para socorro a empresas

Publicados

em

Está na pauta do Plenário desta quinta-feira (1º) medida provisória (MP 977/2020) que abre crédito extraordinário de R$ 20 bilhões para garantir socorro a micros, pequenas e médias empresas afetadas pela pandemia. A proposta foi aprovada pela Câmara na terça-feira (29), dois dias antes do fim da validade. O dinheiro será usado para garantir empréstimos dentro do Programa Emergencial de Acesso a Crédito com Fundo Garantidor de Empréstimos (Peac-FGI). A reportagem é de Roberto Fragoso, da Rádio Senado.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Homens são presos com quase 50 cabeças de gado furtadas de fazendas
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA