Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Governador abre oficialmente a 17ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

Mauro Mendes participou da abertura por meio de vídeo chamada e ressaltou a importância de se reinventar e realizar eventos voltados para a popularização da ciência

Publicados

em

O governador Mauro Mendes participou de forma virtual – Foto por: Camila Paulino

O governador Mauro Mendes deu início as atividades da 17ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) – Inteligência Artificial: A nova Fronteira da Ciência Brasileira nesta terça-feira (20) realizada pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci). A programação segue até sexta-feira (23) das 9h às 17h em formato totalmente virtual transmitido pelo site do evento AQUI.

Durante a abertura do evento o governador Mauro Mendes, que participou por meio de vídeo chamada, ressaltou a importância de se reinventar e realizar eventos voltados para a popularização da ciência.

“A pandemia trouxe algumas desafios, dificuldades sim, abalos econômicos, mas também nos trouxe ensinamentos, nos impulsionou a buscar novas formas de se comunicar, de trabalhar e graças as ferramentas tecnológicas estamos aqui participando de forma virtual deste grande evento, que fomenta a ciência em Mato Grosso e que devemos cada vez mais investir e incentivar o setor”, disse o governador.

O secretário da Seciteci, Nilton Borgato, enalteceu os esforços do Governo para ampliar a ciência e investir nesta área.

Leia Também:  Operação Publicano: STF arquiva inquérito contra governador do Paraná

“Nesta semana vamos mostrar a importância da ciência na nossa vida. Como nosso maior parceiro temos o governador do Estado que não mede esforços para melhorar e ampliar as ações voltadas a esta área tão importante para Mato Grosso”, reforçou o gestor.

O presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso (Fapemat), Marcos de Sá, disse que a parceria com a Seciteci incentiva e amplia a ciência no Estado.  “Conforme palavras do Governador Mauro Mendes, a Fapemat está aqui para incentivar e fomentar a pesquisa, sempre dando uma resposta direta à sociedade, e esse evento é de grande importância para a pesquisa e projetos de inovação”, disse.

A superintendente de Desenvolvimento Científico Tecnológico e de Inovação da Seciteci, Lectícia Figueiredo, explica que durante a SNCT, a Seciteci realiza a 12ª Mostra Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (MECTI) com apresentação de projetos.

“Ao todo foram selecionados 39 participantes que vão apresentar alguma pesquisa ou projeto científico nas categorias Ciências; Engenharias e Economia Criativa”, falou.

A abertura contou com a apresentação da UFMT em Cordas. A programação da 17ª SNCT contará com lives e talks ao vivo transmitidas pela plataforma do evento, além de estandes virtuais. A exposição virtual dos projetos da 12ª MECTI também estará disponível no site oficial AQUI.

Leia Também:  Agentes da Força Nacional chegam a Boa Vista para reforçar segurança na fronteira

A 12ª MECTI é realizada em parceria com o Instituto Farmun e conta o apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ) e o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI)

São parceiros da SNCT com a realização de exposições durante o evento em stands 360°: a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT), o Instituto Farmun, a Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso (FIEMT), o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e a empresa Titânia Telecom.

Durante a tarde foram realizados dois talk’s virtuais, um com o tema “Inteligência Artificial: um pouco além do Hype” com o professor da UFMT, Raoni Teixeira, seguida pela “Apresentação da Maratona Teen 2020” com o professor Lucas Bernardino e ainda a apresentação sobre Empatia com a professora da Unemat Jussara de Araújo. Por fim a live com o tema “Jovens Inspiradores” com os jovens Guilherme Weber, Roberta Scolari e Thallison Alves.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ECONOMIA

Confiança do consumidor recua 6,5 pontos em setembro, diz FGV

Publicados

em

O Índice de Confiança do Consumidor (ICC), medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), recuou 6,5 pontos na passagem de agosto para setembro deste ano. Com isso, o indicador atingiu 75,3 pontos, em uma escala de zero a 200 pontos, o menor patamar desde abril deste ano (72,1 pontos).

Houve piora tanto na percepção dos consumidores brasileiros sobre as expectativas em relação aos próximos meses e quanto em relação à situação atual. O Índice de Situação Atual caiu 1 ponto, para 68,8 pontos. Já o Índice de Expectativas recuou 9,8 pontos, para 81,1 pontos.

“A confiança dos consumidores brasileiros caiu expressivamente em setembro, confirmando a interrupção da tendência de recuperação iniciada em abril, após a segunda onda de covid-19. A queda foi determinada pela combinação de fatores que já vinham afetando a confiança em meses anteriores, como a inflação e desemprego elevados, e de novos fatores, como o risco de crise energética e o aumento da incerteza econômica e política com impacto mais acentuado sobre as expectativas em relação aos próximos meses”, afirma a pesquisadora da FGV Viviane Seda Bittencourt.

Leia Também:  Bolsonaro diz que impostos federais sobre gás e diesel serão zerados

Edição: Valéria Aguiar

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA