Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

ECONOMIA

Com ticket médio de R$ 4,60, Sesc Alimenta é nova opção de restaurante para trabalhadores em Cuiabá

Publicados

em

Com capacidade de 400 refeições por dia, o Sistema Fecomércio, Sesc e Senac em Mato Grosso inaugurou o restaurante Sesc Alimenta Comerciário, exclusivo para trabalhadores e seus dependentes do ramo do comércio de bens, serviços e turismo. O restaurante funciona de segunda a sexta-feira, das 11h às 13h30, na Av. Tenente Cel. Duarte, nº2140, no bairro Porto, na capital do estado.

O valor do quilo custa 12 reais, no entanto, o ticket médio de consumo fica em torno de R$ 4,60. A alimentação foi pensada por nutricionistas do Sesc Mato Grosso, com opções de saladas, dois tipos de carne e pratos tradicionais da culinária brasileira.

A cerimônia contou com a presença do presidente da Fecomércio-MT, José Wenceslau de Souza Júnior, dos diretores do Sesc – Carlos Alberto Rissato – e do Senac – Eliana Salomão – e parte do conselho que compõe o Sistema S do Comércio em Mato Grosso. O presidente do Sindicato do Empregados do Comércio de Cuiabá (SECC), Olavo Dourado Boa Sorte, também participou da inauguração.

Leia Também:  Conta da Energisa vira boleto bancário

José Wenceslau de Souza Júnior lembrou que não há recursos do governo no empreendimento. “O Sesc Alimenta é um dos serviços subsidiados pelos empresários para os trabalhadores”.

Já o conselheiro do Sesc Mato Grosso, Roberto Peron, destacou que é um projeto de valorização do ser humano. “Este é um momento concretizado para uma sociedade mais justa, igualitária e de qualidade”.

A qualidade também foi apontada pelo diretor Carlos Alberto Rissato. “Para nós, foi um prazer podermos ter feito um restaurante de altíssima qualidade, seguindo as diretrizes da Fecomércio”, finalizou.

Cartão Sesc

Os trabalhadores do comércio e seus dependentes, que possuem o Cartão Sesc, só precisam digitar o CPF na entrada do restaurante.

Já os trabalhadores do comércio que ainda não possuem o Cartão precisam fazer o cartão na Central de Relacionamento com o Cliente, localizado no Sesc Arsenal. Para mais informações sobre o cartão, ligue 3611-0550.

Fecomércio

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

ECONOMIA

Receita abre hoje consulta a lote residual de restituição do IR

Publicados

em

A Receita Federal abre hoje (23), às 10h, a consulta ao lote residual de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF). O crédito bancário para 273.545 contribuintes será feito no dia 30 de outubro, totalizando R$ 560 milhões.

Desse valor, R$ 211.773.065,86 são destinados aos contribuintes com prioridade legal: 5.110 idosos acima de 80 anos, 38.301 entre 60 e 79 anos, 4.636 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou doença grave e 21.244 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Foram contemplados ainda 204.254 contribuintes não prioritários, que entregaram a declaração até o dia 5 deste mês.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar o site da Receita Federal. Na consulta ao Portal e-CAC, é possível acessar o serviço Meu Imposto de Renda e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nessa hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

A Receita disponibiliza ainda aplicativo para tablets e smartphones que facilita a consulta às declarações do IR e à situação cadastral no CPF. Com ele é possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições e a situação cadastral.

Leia Também:  Cuiabá é a capital que menos arrecadou impostos na região Centro-Oeste

Caso a restituição tenha sido liberada, mas o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco. O contribuinte também poderá fazer o agendamento no site do BB.

A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá fazer requerimento por meio do Portal e-CAC, no serviço Meu Imposto de Renda, na opção Solicitar Restituição não Resgatada na Rede Bancária.

Edição: Graça Adjuto

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA