Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

Bastidores da República

COMPROMISSO: Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia diz que reforma tributária será aprovada ainda no 1º semestre. Confira outras informações na coluna JPM desta quinta-feira(16)

Publicados

em

FRASE PRONTA

Será que agora  haverá consenso entre os parlamentares? Representantes da Câmara, do Senado e do governo devem voltar a se reunir em fevereiro para acertar a tramitação da reforma tributária. A ideia é reunir as propostas que já tramitam nas duas casas legislativas, mais as sugestões do governo, e elaborar um texto único Segundo o presidente da Câmara, a intenção é aprovar a proposta neste semestre . “O Congresso está envolvido e engajado em aprovar a reforma tributária ainda neste primeiro semestre”. A proposta está em discussão em comissão especial criada pela Câmara no ano passado.“O comprometimento é absoluto, pois sabemos a importância do projeto para o Brasil”, afirmou Maia.

PAUTA BOMBA

Não se fala outro assunto em Brasilia, a não ser a questão do comandante da Secom no Palácio do Planalto.Logo pela manha, o presidente Jair Bolsonaro defendeu  o secretário de Comunicação Social da Presidência, Fábio Wajngarten, e disse que vai mantê-lo no cargo, após reportagem do jornal Folha de S.Paulo acusá-lo de supostamente receber, por meio de uma empresa da qual é sócio, pagamentos de emissoras de TV e agências de publicidade contratadas pelo governo.”O que eu vi até agora está tudo legal com o Fábio, vai continuar, é um excelente profissional. Se fosse um porcaria, igual alguns que têm por aí, ninguém estaria criticando ele”, disse Bolsonaro em entrevista na saída do Palácio da Alvorada.: “Se for ilegal, a gente vê lá na frente.”

AGENDA

A reforma administrativa será apresentada em fevereiro e trará mudanças estruturais apenas para os novos servidores, afirmou nesta quinta-feira o secretário Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Paulo Uebel, pontuando que outras alterações serão propostas num segundo momento.A ideia é que a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) em questão seja um pontapé inicial de uma reforma administrativa mais ampla e faseada, destacou ele.

Leia Também:  Veja o significado da derrota no Senado para a economia

ESTRANGEIRAS

Está pronto para entrar na pauta da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) projeto de lei que facilita a instalação no país de novas instituições financeiras estrangeiras. O Projeto de Lei do Senado r recebeu parecer favorável do relator, senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), com duas emendas. Se for aprovado pela CCJ, o projeto deverá passar ainda pela CAE e pelo Plenário do Senado, antes de seguir para a Câmara dos Deputados.

 

SEM NOVIDADES

O recesso parlamentar e as férias s férias justificam o vazio da agenda de visitas de governadores ao Ministério da Economia. Porém, não mudará muito. Em ano eleitoral, chefes de Executivos estaduais não gostam de ser cobrados por tecnocratas sobre o ajuste fiscal. Preferem ir levando como podem para que candidatos de seus partidos não paguem nas urnas pelos cortes de despesas

PERSONALIDADE

Sempre ocupando espaços na mídia, o   procurador da República Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Operação Lava Jato em Curitiba, divulgou em seu Twitter um curso do RenovaBR, escola de renovação política apoiada por empresários e personalidades como Luciano Huck. A postagem entrou nos trending topics do Twitter nesta quarta-feira, 15.O RenovaBR se denomina a “a maior escola de democracia do Brasil”. Foi fundado em 2017 em São Paulo com a missão de “preparar gente comprometida e realizadora para entrar na política”.

TO FORA!

Olha só que  interessante: advogados japoneses do ex-presidente do Conselho de Administração da Nissan Motor Carlos Ghosn renunciaram após sua fuga para o Líbano.A informação foi dada pelo advogado Junichiro Hironaka. Fontes informaram que outros advogados, incluindo Takashi Takano, também renunciaram. Elas afirmam que Hiroshi Kawatsu e mais dois integrantes da equipe continuam a representar Ghosn.

ESQUECIMENTO

No dia 25 deste mês, o rompimento da barragem de Brumadinho completará um ano. Morreram 259 pessoas e 11 estão desaparecidas. Quanto às punições, quase nada.

Leia Também:  Deputados contribuem com o projeto sobre tributação para compra de armas

TRATAMENTO VIP

Localizada no coração de Brasília, a Praça dos Três Poderes passará a ter uma atenção especial do Governo do Distrito Federal (GDF). Um grupo de trabalho formado por 14 diferentes órgãos distritais foi criado para definir normas e regulamentos ao uso e à ocupação do local, considerado um dos principais cartões postais da capital federal.

ESCOLHA PODEROSA

O Papa Francisco nomeou, a primeira mulher a ocupar um cargo de gerência na Secretaria de Estado, que administra o Vaticano e coordena as relações com outros países.Francesca Di Giovanni, de 66 anos, é uma advogada italiana que trabalha há 27 anos no Vaticano. Ela assume agora a Subsecretaria da Seção para as Relações com os Estados, responsável pelas relações da Igreja Católica com a ONU.

TECNOLOGIA

A Matemática e a Física se tornaram aliadas inovadoras nas investigações conduzidas pelo Grupo de Repressão a Crimes Cibernéticos da Polícia Federal no Rio Grande do Sul. Conceitos científicos e até fórmulas têm sido estudadas como ferramentas para decifrar organizações criminosas, identificar quais as peças principais das redes – e como é possível desmontar essas organizações.

ECONOMIA

O Índice Geral de Preços–10 (IGP-10) registrou inflação de 1,07% em janeiro deste ano, taxa inferior ao 1,69% de dezembro. O índice é, no entanto, superior ao 0,26% de janeiro de 2019.Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), o IGP-10 acumula 7,81% em 12 meses.Entre os subíndices que compõem o índice, a maior alta foi registrada no Índice de Preços ao Produtor Amplo, que mede o atacado e teve inflação de 1,38% em janeiro

João Pedro Marques é advogado e jornalista com escritório em Brasília e Mato Grosso

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Bastidores da República

Augusto Aras é a sexta autoridade a participar da posse de Luiz Fux no STF e testar positivo para a Covid-19

Publicados

em

NEM ARAS ESCAPOU

Augusto Aras, procurador-geral da República, é a sexta autoridade a ter o diagnóstico de covid-19 confirmado entre os convidados que estiveram na posse do ministro Luiz Fux como presidente do STF na quinta-feira passada. Na linha sucessória de comando do país, só o vice-presidente Hamilton Mourão escapou até agora da covid. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-DF), também testou positivo, provavelmente infectado na posse do ministro Luiz Fux no comando do STF ou no casamento da filha do ex-presidente do STJ João Otávio Noronha, Anna Carolina, com o empresário Eduardo Oliveira, no último sábado.

ESTADO DE ALERTA

 

Após cinco autoridades que acompanharam a cerimônia de posse do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, testarem positivo para covid-19, a Corte informou que estuda procedimentos para reforçar os protocolos de segurança em suas instalações. Ninguém vai escapar de fazer o exame para dar segurança ao ambiente de trabalho.

BARBAS DE MOLHO

Um dos 24 deputados distritais está com a “pulga atrás da orelha”. Outros 23 estão com as “barbas de molho”. Aqui em Brasília o clima tá tenso. É que o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) instaurou inquérito para apurar suspeitas de “rachadinha” no gabinete em um dos gabinetes. O procedimento foi publicado no Diário Oficial da União, mas a identidade do suspeito não foi divulgada. Tá explicado!

Leia Também:  Desconheço país que se sustente sem indústria forte e inovadora, diz presidente da CNI

FORÇA TÁTICA

Uma nova força policial planejada por Hamilton Mourão e endossada pelo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, foi encampada pelo presidente Jair Bolsonaro. O grupo, com poder de polícia, vai atuar exclusivamente na região amazônica. A ideia é tirar as Forças Armadas e dar lugar à Força Tática da Amazônia em paralelo ao trabalho que já é realizado pelo Ibama e pelo Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio).

MAKTUB

“Velhos amigos vão sempre se encontrar. Seja onde for, seja em qualquer lugar. O mundo é pequeno”. Esse trecho da canção ‘Velhos amigos’, de Oswaldo Montenegro, traduz bem o momento vivido pelo ex-presidente Lula e o senador Renan Calheiros (MDB-AL). Renan, que se recupera de uma cirurgia, recebeu Lula no hospital e matou a saudade dos tempos em que foram aliados. Pior que já tem mimimi dizendo que o ‘velho MDB de guerra’ poderá apoiar Lula no futuro. Será apenas conversa de bastidores? Em política, tudo é possível!

“GOLPE PORCARIA”

O ex-ministro da Agricultura, Blairo Maggi, levou um susto pela manhã ao descobrir que alguém estava se passado por ele e pedindo dinheiro aos amigos via WhatsApp. Diferente dos tradicionais golpes, Maggi teve a sorte de não ter a sua conta clonada. O golpista utilizou um número com prefixo de São Paulo (011) e uma foto de Blairo Maggi para solicitar os empréstimos. Maggi, que é um dos maiores nomes do agribusiness, classificou o caso como ‘Golpe Porcaria’ e tratou de avisar os amigos.

Leia Também:  Programa Verde e Amarelo é discutido pelo presidente do Sistema Fecomércio

NO BATENTE

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública e especialista no combate à corrupção, Sérgio Moro, já está habilitado para ir ao batente como criminalista. Ele já está com a carteira da OAB em mãos. Além de advogar, quando terminar a quarentena funcional, Moro deve continuar como professor no Uniceub em uma disciplina voltada para a pós-graduação com foco no combate a corrupção e lavagem de dinheiro. Ele volta às origens, mas por enquanto está garantido. Ao deixar o Ministério da Justiça em abril, ele entrou num período de quarentena remunerada, com salário de ministro, ou seja, R$ 31 mil.

CAIU NA REDE

Não se fala em outra coisa, aqui em Brasília, que não seja sobre o vídeo em que mostra o ministro Napoleão Nunes Maia, do Supremo Tribunal de Justiça (STJ), flagrado lixando e roendo as unhas durante um julgamento virtual. Em outra sessão anterior, Maia havia aparecido em outra sessão usando um pente para desembaraçar os cabelos durante sessão. O que tem de errado nisso? Nada!

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA