Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

Brasil

Sebrae mapeia cinco dicas para montar uma vitrine

Publicados

em

A vitrine é o primeiro canal de contato físico do cliente com a loja e é responsável por até 75% das decisões de compra. Por este motivo, ter um cuidado especial com a organização dos espaços é fundamental para atrair e cativar a clientela. Afinal, um bom layout agrega valor às marcas, e para que isso aconteça, planejamento e ação são ferramentas necessárias. Para montar uma vitrine atrativa e que efetivamente chame a atenção dos consumidores e encante os clientes, vale investir em um planejamento focado no uso do espaço de maneira estratégica, não apenas expondo os produtos, mas ajudando a fortalecer sua marca.

O Sebrae reuniu cinco dicas para quem busca orientações e inspiração para montar a vitrine da forma mais assertiva. Confira as sugestões abaixo e veja essas e outras dicas no Canal do Sebrae no YouTube.

1. Iluminação 
A iluminação focada é uma ótima estratégia quando se quer valorizar um produto. Eles podem ser dispostos para valorizar a composição, no caso do uso de displays. A iluminação em foco também pode estar direcionada de forma mais geral. Neons, abajures e outros tipos de iluminação são soluções criativas para montar uma vitrine diferente.

Leia Também:  Em dois anos, a capacidade de energia solar no Brasil avança mais de 10 vezes

2. Temas 
O ato de decorar vitrines e ambientações é uma arte complexa, uma vez que é necessário colocar-se no ponto de visão do consumidor e tentar compreender o que mais agrada e chama a atenção do seu público-alvo. A escolha de um tema para a montagem da vitrine pode estar associada às estações do ano ou a datas comemorativas, por exemplo. Seja qual for a temática escolhida, o objetivo é despertar a atenção do consumidor, apresentando produtos e serviços em pequenas histórias montadas em vidraças ou dentro das lojas.

3. Elementos inusitados
Elementos diferentes também podem ser utilizados nas áreas de exposições. As datas comemorativas, por exemplo, são ótimas oportunidades para trabalhar temas específicos ao expor os produtos, tornando a vitrine atrativa. Outra opção é, em lugar de temas genéricos, pensar em temáticas específicas que fogem dos clichês habituais.
As vitrines temáticas devem oferecer aos possíveis clientes uma experiência sensorial que os levem a ficar tão interessados a ponto de entrar na loja e comprar um produto. Ambientar a vitrine criando cenários que contam uma narrativa, é uma estratégia muito utilizada, mas que ainda funciona muito bem.

Leia Também:  Sebrae e Banco do Brasil assinam acordo de cooperação para beneficiar pequenos negócios

4. Texturas 
Elementos com texturas também ajudam a compor um visual diferenciado para a vitrine e para o ambiente da loja. O aspecto macio, liso, rugoso ou brilhante de uma superfície ajuda a chamar a atenção do potencial comprador. Vale ainda trabalhar com a criação de uma padronagem texturizada, por meio da repetição de um determinado elemento ou produto, criando um cenário diferenciado e atrativo.

5. Planejamento 
É de extrema importância oferecer sempre movimento e novidade. Surpreender o cliente é fundamental. Nesse sentido, um planejamento cuidadoso e minucioso para a montagem da vitrine ao longo do ano, ajuda a explorar da melhor forma possível o potencial de cada produto ou coleção através da criatividade e com economia de recursos.

Fonte: Sebrae

COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Brasil

Empreendedorismo feminino ganha espaço exclusivo no Sebrae

Publicados

em

Por

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, o Sebrae preparou para o mês de março uma série de atividades para destacar a força da mulher empreendedora. Com o slogan “Empreender é poder”, nesta segunda-feira (2), será lançado espaço exclusivo dentro do Portal Sebrae para o empreendedorismo feminino. Além de inspirar mulheres a empreender de forma sustentável, a nova página vai funcionar como uma porta de entrada para os serviços e soluções oferecidos pelo Sebrae a esse público. São diversos conteúdos, como artigos sobre empreendedorismo feminino, dicas e informações sobre os projetos da instituição voltados para mulheres que sonham em empreender ou já possuem uma empresa. O espaço também busca incentivar mulheres a compartilhar histórias de superação no mundo dos negócios.

De acordo com coordenadora nacional de empreendedorismo feminino do Sebrae, Renata Malheiros, a criação da página foi pensada justamente para reforçar a importância de políticas de sensibilização e de tomada de consciência para mulheres. “As mulheres enfrentam mais desafios para se tornarem donas de seus próprios negócios e há muito desconhecimento das dificuldades enfrentadas. Existe uma questão cultural que influencia muito e é preciso reforçar constantemente esse discurso que as mulheres são capazes de empreender”, destacou.

Leia Também:  Sebrae e Banco do Brasil assinam acordo de cooperação para beneficiar pequenos negócios

Além de conteúdo e informação, a página vai facilitar o acesso aos cursos online oferecidos de forma gratuita pelo Sebrae, com destaque para as capacitações voltadas para o desenvolvimento de soft skills (habilidades socioemocionais), consideradas como grandes desafios a serem superados pelas empreendedoras. “As mulheres no Brasil são mais escolarizadas que os homens e são boas nas chamadas competências técnicas (planejamento, gestão etc.) mas, por causa da cultura, ainda enfrentam dificuldades na hora de fazer um networking, tomar decisões com autonomia, assumir posição de liderança e defender uma ideia”, explicou Malheiros.

Programação
Por meio da nova página, o Sebrae também vai oferecer webinários ao longo do mês de março, com a participação de especialistas e mulheres reconhecidas em suas áreas de atuação. Entre os temas escolhidos estão liderança, finanças, inovação, política, entre outros.

O mês de março também terá diversos conteúdos para inspirar as mulheres nas redes sociais do Sebrae. Na próxima quinta-feira (5), será realizada uma live, a partir das 14h30, com a presença de duas empreendedoras de sucesso no DF. As convidadas são a empresária Adama Djalo, que veio de Guiné-Bissau (África) e hoje é dona do Salão Ouro Negro em Taguatinga (DF), e a paraibana formada em Direito, ex-servidora pública Giovanna Maia, proprietária do bar Loca Como Tu Madre, em Brasília.

Leia Também:  Número de contratos de banda larga fixa cresce 1,17% em janeiro

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA