Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

BASTIDORES DA REPÚBLICA

Bolsonaro enaltece comércio com árabes e americanos projetam novos investimentos no Brasil

Publicados

em

DIPLOMACIA

O presidente Jair Bolsonaro está confiante que a reforma administrativa e tributária caminhe no Congresso Nacional. Tanto que disse a investidores árabes que elas trazem um ambiente seguro mesmo antes da sua aprovação pelo Legislativo. “Países como Emirados Árabes Unidos, Catar e Kuwait, já apresentam expressivos investimentos no Brasil. Essas inversões, tomadas individualmente, variam de US$ 4 bilhões a US$ 5 bilhões. E tenho certeza de que vamos multiplicar esses números”, apontou durante Fórum Econômico.

SÓ EM 2021

A intenção do presidente Jair Bolsonaro deve ficar só na intenção mesmo. É que tão sonhada reforma administrativa só deverá avançar no Congresso em 2021. Segundo a comissão que analisará as propostas, os movimentos de bastidores apontam que nada de conclusivo ocorrerá neste ano. É que deputados e senadores consideram o texto brando demais. Parte dos parlamentares acena para que seja mais rigorosa, com a inclusão dos atuais servidores e de membros de poderes, como magistrados, parlamentares, promotores, procuradores e militares.

EM QUEDA

Pra complicar, a declaração de ânimo ao mercado árabe feita pelo presidente Bolsonaro acorreu no momento em que o mercado financeiro projeta queda de 5% na economia para este ano. A estimativa de recuo do Produto Interno Bruto está no boletim Focus, publicação divulgada toda semana pelo Banco Central. Para o próximo ano, a expectativa de crescimento foi ajustada de 3,50% para 3,47%. Em 2022 e 2023, o mercado financeiro continua a projetar expansão de 2,50% do PIB.

DE OLHO

Quem não está nem um pouco preocupado com a queda da atividade econômica no Brasil são os Estados Unidos. Uma delegação americana desembarcou hoje no Brasil para participar de uma série de encontros com o governo federal e representantes do setor privado comercial. O objetivo da visita é a assinatura de um pacote bilateral de acordos visando a desburocratização e aceleração das relações comerciais entre os dois países. Atualmente, a Corporação Financeira dos EUA possui oito projetos ativos no Brasil, totalizando mais de um bilhão de dólares. Há, ainda, outros seis em preparação e que devem, juntos, totalizar U$800 milhões

Leia Também:  STF começa julgar caso do dossiê que investigou servidores ligados a movimentos antifascistas

VACINA FREE

Para alimentar uma nova polêmica no inicio dessa semana, o presidente Jair Bolsonaro voltou a afirmar que a vacina contra a Covid-19 não será obrigatória no país. No entanto, ele explicou o motivo. “Da nossa parte, quando estiver em condições, depois de aprovada pelo Ministério da Saúde, com comprovação científica e validada pela Anvisa, aí ofereceremos ao Brasil de forma gratuita. Mas repito, não será obrigatória”, concluiu.

SEM RESISTÊNCIA

Depois de amanhã o Senado fará a sabatina ao indicado do presidente Bolsonaro à vaga de Celso de Mello no STF, Kassio Nunes Marques. O que tudo indica, ele não deve encontrar resistência à aprovação de seu nome para a Corte Suprema. Corre pelos bastidores que nem mesmo o currículo com inconsistências deve ser empecilho ao aval dos parlamentares. De acordo com parlamentares que integram a CCJ do Senado, o evento vai servir para que Marques se explique sobre as incongruências no currículo e nada mais do que isso. Ou seja, está aprovado antecipadamente.Eleições 2020

Leia Também:  TRT suspende greve dos trabalhadores da Energisa e designa conciliação

EMPODERAMENTO

Brasil tem números espantosos até nas eleições. Em novembro, cerca de 147,9 milhões de eleitores estarão aptos a votar em prefeitos e vereadores. No caso de Mato Grosso, ainda terá eleição suplementar para uma vaga ao Senado. As mulheres somam 77.649.569 eleitores (52,49%) do total. Os homens são 70.228.457 (47,48%). Outras 40.457 pessoas não declararam o gênero. Mulher, com ensino médio e de 35 a 59 anos é o perfil majoritário do eleitor que votará nas eleições de 2020, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Candidato que atacar o gênero feminino na propaganda política já viu né?

FAÇA O FAVOR

Dizem, aqui em Brasília, que o STF fez um favor à nação ao proibir a veiculação das imagens dos agentes da PF retirando a dinheirama das nádegas do senador Chico Rodrigues. A decisão do ministro Luís Roberto Barroso atendeu a um pedido da PF que alegou a “exposição da intimidade” do parlamentar na abordagem. O que não adiantou em nada. A conhecida criatividade do brasileiro para charges e memes se encarregou de escancarar o caso. Na Internet é o assunto mais comentado e a narrativa da abordagem deu elementos para desenhos surreais do senador com a “poupança” de fora. Se essa “poupança” rendesse juros, a soma do dinheiro na cueca já teria ultrapassado os 33 mil reais.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Bastidores da República

Governadores anunciam lockdown e Bolsonaro diz que estão na contramão

Publicados

em

LOCKDOWN NO DF

A volta do crescimento nos casos da Covid-19, aqui no Distrito Federal, fez o governo acender a luz vermelha.  O governador Ibaneis Rocha (MDB) determinou que a antecipação das medidas de contenção da pandemia e decreta lockdown total a partir da meia-noite desta sexta-feira (26). A ocupação de leitos de UTIs, na rede pública de saúde, chegou a 98,22%. De acordo com a Sala de Situação da Secretaria de Saúde, apenas um dos três leitos disponíveis é para adulto. Os outros são pediátricos e mais 11 estão bloqueados. Governadores do Sul e alguns do Nordeste também falam em lockdown.

CRÍTICAS AO LOCKDOWN

Quem não gostou “nadica de nada” dessa história de lockdown foi o presidente Jair Bolsonaro. Segundo ele, os governadores que “fecham tudo estão na contramão do que o povo quer”. “Vão para o meio do povo mesmo depois das eleições, porque durante as eleições é muito fácil. Eu quero ver é depois”, disparou Bolsonaro. A declaração ocorreu em Tianguá, no Ceará, durante a cerimônia de assinatura de ordens de serviço da Travessia local, das Variantes de Frios e Umirim e do Viaduto de Horizonte.

DESEMPREGO

Tudo parece conspirar para piorar a situação do emprego no país, que sofre com a pandemia da Covid-19. A taxa de desemprego avançou no Brasil em 2020 e encerrou o último trimestre do ano em 13,9%, percentual que corresponde a 13,9 milhões de desocupados no período. A análise da Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios), divulgada nesta sexta-feira (26) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), aponta para o aumento 13,5% na taxa média anual de brasileiros desocupados em 2020. Trata-se do maior percentual da série iniciada em 2012.

Leia Também:  Governadores anunciam lockdown e Bolsonaro diz que estão na contramão

DIVERGÊNCIA

Pelo que parece, a população está dividida quanto à privatização da Caixa Econômica Federal. Novo levantamento, encomendado pela Confederação Nacional do Transporte, mostra que 59,8% dos entrevistados rejeitam venda do banco público. A Caixa lidera relação de empresas que sociedade menos quer que seja vendida. De acordo com os dados, divulgados esta semana, apenas 28,6% das pessoas disseram ser a favor da privatização de estatais; 11,6% não souberam opinar ou não responderam. A pesquisa CNT/MDA foi realizada com 2.002 entrevistados, em 137 cidades de 25 estados, entre os dias 18 e 20 deste mês.

PELA EDUCAÇÃO

As novas universidades federais ganharam uma injeção de recursos da ordem de R$ 200 milhões. A proposta apresentada pelo senador Wellington Fagundes (PL-MT) foi uma das três acatadas pela Comissão de Educação do Senado na quinta-feira. Entre elas está a Universidade Federal de Rondonópolis, a UFR, no Sul de Mato Grosso. A emenda deve constar do Orçamento Geral da União para 2021, a ser votada ainda no mês de março pelo Congresso Nacional. As demais universidades beneficiadas estão nos estados de Tocantins, Goiás, Pernambuco e Piauí.

Leia Também:  Gilmar Mendes:Lava-Jato é um grupo de trabalho, mas virou partido político. Confira outras informações na coluna JPM desta quarta-feira (24)

NOVA POLÊMICA

Uma nova discussão promete esquentar os ânimos aqui em Brasília. É que a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 186, a PEC Emergencial, prevista para ser votada no Senado na terça-feira (02), pode representar um golpe fatal para o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Ao menos é o que dizem alguns senadores. Sobretudo, em função do artigo quarto do relatório assinado pelo senador Márcio Bittar (MDB/AC) à PEC 186, pelo fim de importante fonte de financiamento (funding) para o BNDES, ou seja, as transferências das contribuições do PIS-PASEP. Sem estes repasses o BNDES deixará de cumprir seu papel em várias frentes de mercados e sociais.

NOTÍCIA BOA

Para quem não apostava na chegada da Internet 5G ao Brasil, pode anotar essa data: julho de 2022. Quem definiu essa data foi a própria Anatel, que anunciou um leilão para quatro faixas de frequência que serão usadas nas transmissões de dados ainda neste semestre. A partir de agora, o governo deverá definir o preço dos lances dos blocos que serão leiloados. Para isso, o Tribunal de Contas da União (TCU) precisa analisar a oferta em até 150 dias, e julgue em 50 dias.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA