Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

BASTIDORES DA REPÚBLICA

Bolsonaro confirma “casamento” com o PL: “Seremos felizes para sempre”

Publicados

em

Ao caminhar entre o Palácio do Planalto e a Câmara, onde receberia a Medalha Mérito Legislativo, nesta quarta-feira(24), o presidente Jair  Bolsonaro  foi questionado pela imprensa se estava tudo certo sobre  sua  filiação ao Partido Liberal (PL) Ele respondeu  que “está tudo certo para ser um casamento e seremos felizes para sempre. A princípio, está tudo certo para o dia 30 [próxima terça-feira], por volta das 10h30 da manhã. Não sei se posso fazer nesse horário, que é horário de expediente, mas está tudo certo”  Vale destacar que o partido informou na terça que a entrada será oficializada no dia 30 de novembro, o que foi confirmado por Bolsonaro  Segundo o presidente, questões que estavam pendentes em alguns estados já foram acertadas. A filiação chegou a ser marcada para o dia 22, mas estava suspensa, segundo o próprio PL, após “uma intensa troca de mensagens na madrugada” no 14 de novembro. Bolsonaro se irritou com o fato de, em diversos estados, haver a perspectiva de alianças em 2022 com nomes de oposição, de partidos como PT e PSB.

SERÁ?

Bolsonaro deixa hospital após queda no Palácio da Alvorada | Cotidiano | A  Crítica | Amazônia - Amazonas - Manaus

Em outra declaração  Bolsonaro disse que  está “louco para entregar isso aqui (a presidência) pra alguém”. “Aqui é bom pra visitar, pra morar não é bom, não”, respondeu, referindo-se ao Palácio do Alvorada, residência oficial dos presidentes da República. A declaração do presidente ocorreu no cercadinho em frente ao Palácio do Alvorada, após chegar ao local sob grito de “2022 tamo aí, presidente”. É bom lembrar que não é a primeira vez que Bolsonaro coloca em dúvida se disputará a presidência da República. Em julho deste ano, ele repetiu diversas vezes não saber se seria candidato à reeleição.

SENADOR DO CONTRA

Já o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), em entrevista coletiva  rejeitou a ideia de aumentar os imposto para bancar o Auxílio Brasil com a criação de um programa social permanente. O auxílio permanente deve ser incluído na PEC dos Precatórios, conforme proposta do líder do governo e relator da medida no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), mas sem apontar uma fonte de financiamento. Pacheco afirmou que é preciso encontrar uma forma para financiar o benefício, mas que esse é papel do governo. Ao Congresso, nas palavras do presidente do Senado, cabe avaliar a alternativa e votar.

Leia Também:  STF marca retorno de atividade para 3 de novembro e exigirá comprovante de vacinação

DEU NA MÍDIA

O presidente da Comissão de Constituição e Justiça do Senado Federal, senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), sinalizou que pode marcar para a próxima semana a sabatina de André Mendonça, ex-ministro da Justiça e ex-Advogado-Geral da União indicado a uma vaga no Supremo Tribunal Federal (STF) pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido).Em sessão na CCJ nesta quarta-feira (24), Alcolumbre disse que 10 autoridades indicadas precisavam ser sabatinadas na comissão, e que ele privilegiaria os cargos com prazos definidos de mandato, e não os “vitalícios”, como o Tribunal Superior do Trabalho ou Supremo Tribunal Federal. Mesmo assim, o senador não deixou de descartar que a sabatina de Mendonça ocorra na semana do esforço concentrado,

MORO COMUNISTA

Sergio Moro confirma saída do Ministério da Justiça | Agência Brasil

Sumido do noticiário nacional, o ex-ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles disse que o ex-juiz Sergio Moro é “comunista”. Hoje comentarista da Jovem Pan News, Salles disse, no programa Morning Show, que apesar de ter aceitado fazer parte do governo Jair Bolsonaro, Moro tem visões diferentes do atual chefe do Executivo, “Com relação ao que é diferente da política do Sergio Moro, é a política da dissimulação, da traição. O cara aceitou ser político, aceitou ser ministro do Bolsonaro, sabendo que não tinha nada a ver com o governo, que ele é de esquerda, que ele é contra as armas, ele é a favor de droga. O Moro é comunista. Vai dizer que o Moro não é de esquerda? O Moro é um tucano”, disse.

ECONOMIA

A alta acumulada de 65% no preço do diesel usado para fazer andar ônibus públicos em todo o País neste ano levou a Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) a pressionar o governo federal por ajuda financeira para manter os preços atuais das tarifas ou permitir um aumento mínimo a partir de 2022. Após um primeiro contato com o presidente Jair Bolsonaro na segunda, o prefeito da capital, Ricardo Nunes (MDB), e outros dez prefeitos desembarcam nesta quarta, 24, em Brasília para negociar recursos da União com os presidentes da Câmara, do Senado e com o Ministério da Economia .Às vésperas de um ano eleitoral, o pleito dos prefeitos ganha um argumento extra: a alta nas passagens de todo o País ampliaria ainda mais a inflação, prejudicando não apenas a população, mas o próprio governo. Também vale lembrar que as manifestações políticas que marcaram o ano de 2013 tiveram início com o aumento da passagem em São Paulo.

Leia Também:  Bolsonaro muda estratégia e pede ajuda para neutralizar emissão de carbono

TENDÊNCIA

A arrecadação federal manteve tendência de alta em outubro, totalizando R$ 178,742 bilhões. O valor é 4,92% maior do que o registrado no mesmo mês do ano passado, considerada a inflação pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo).Segundo os dados divulgados nesta quarta-feira (24) pela Receita Federal, no acumulado nos dez primeiros meses de 2021, a arrecadação federal soma R$ 1,527 trilhão, 20,06% a mais do que no mesmo período de 2020 e o maior valor da série histórica iniciada em 1995.

INFORME AGRO

Setor agro bate recorde em 2020 com bom saldo comercial - Biodiesel Brasil

A escalada de preços dos insumos foi a principal responsável pelo aumento dos custos de produção da agropecuária em 2021, após o valor de alguns fertilizantes e defensivos acumular altas que superam 100% no ano até setembro, indicando também despesas mais altas para 2022, disse nesta quinta-feira a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).Entre os adubos, os preços da ureia, do fosfato monoamônico (MAP) e do cloreto de potássio (KCL) subiram 70,1%, 74,8% e 152,6%, respectivamente. Já entre os agroquímicos, o glifosato lidera com avanço de 126,8%, informou a CNA com base em resultados do projeto Campo Futuro.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Bastidores da República

‘Não vou dizer que meu governo não tem corrupção’, admite Bolsonaro

Publicados

em

Ganhou grande espaço no noticiário político a fala do presidente Jair Bolsonaro (PL), no sentido de quer não há como afirmar 100% que seu governo não tem corrupção. Nesta segunda-feira (06) aos apoiadores no “cercadinho” do Palácio do Planalto, o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), afirmou que não há como afirmar 100% que seu governo não tem corrupção.
ASPAS DE BOLSONARO

Bolsonaro acena com filiação ainda neste ano | CNN Brasil
Bolsonaro disse que não consegue saber o que acontece com milhares de servidores, mas que a maioria é honesta. “Não vou dizer que no meu governo não tem corrupção. A gente não sabe o que acontece muitas vezes. Se tiver qualquer problema no meu governo a gente vai investigar aí. Não posso dar conta de mais de 20 mil servidores comissionados, ministérios com 300 mil funcionários. A grande maioria são (sic) pessoas honestas”, disse o presidente.
EVANGELICOS NO STF
Mais uma promessa… O presidente Jair Bolsonaro sinalizou nesta segunda-feira (6) que, se for reeleito em 2022, buscará emplacar mais dois ministros evangélicos para o STF (Supremo Tribunal Federal).A fala aconteceu em conversa com apoiadores na manhã de hoje, em Brasília, e foi captada pelo canal Foco do Brasil, no YouTube. “Se eu for candidato e for reeleito, a gente bota mais dois no início de 2023 lá [no Supremo]”, disse o presidente.
CATÒLICO DESDE CRIANCINHA

Apoiadores de Bolsonaro estão na Esplanada dos Ministérios para posse
A promessa foi feita após um apoiador, se referindo a Bolsonaro, dizer que sempre afirmava a outras pessoas que pressentia que, antes de morrer, veria uma pessoa evangélica no comando da República. O presidente, então, o corrigiu, afirmando não ser evangélico, mas católico – quem é declaradamente protestante, no caso, é a primeira-dama, Michelle Bolsonaro
BOLSOLÃO
Em meio à polêmica em torno das emendas de relator, o senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) busca pressionar o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), a criar a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Orçamento Secreto. Além disso, Vieira busca “com urgência” assinaturas de outros senadores para engrossar o coro no pedido da “CPI do Bolsolão”..
MAIS UMA VÌTIMA
Ninguém escapa da violência que vem aumentando de forma significativa aqui em Brasília. A vítima desta vez foi o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Benjamin Zymler, que teve a casa invadida por dois bandidos, na tarde deste sábado (4). Um deles rendeu Zymler e colocou uma arma de fogo na cabeça do ministro. A residência fica no Lago Sul, área mais nobre de Brasília, formada apenas por casas, muitas delas mansões.
DEU NA MÍDIA
Os dois criminosos renderam também a mulher e a filha de Zymler. A informação é da coluna Grande Angular, do portal Metrópoles, que entrevistou o ministro. Ele disse que os homens pretendiam juntar a família e levá-la a um só cômodo, para roubar objetos de valor da residência .“Foi a primeira vez que colocaram uma arma na minha cabeça. Não levaram nada da casa, mas é uma situação bem chata”, contou Zymler.
CASTIGADO
Governador afastado do Tocantins joga pesado para reaver cargo no STJ | VEJA

Está inelegível o aliado do presidente Jair Bolsonaro (PL), o governador afastado, Mauro Carlesse (PSL), que usou recursos públicos para beneficiar a prefeita de Gurupi, Josi Nunes nas eleições de 2020. Segundo a sentença do juiz Nilson Afonso, o governador foi condenado por “abuso de poder político por meio da utilização de bens e servidores públicos, uso de veículos oficiais, pagamentos de sites de notícias e distribuição de cestas básicas sem critérios objetivos durante o ano eleitoral”.
IGUALDADE
O espaço para mulheres e negros em cargos de chefia dentro da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) aumentou em 2021 sob a regra da paridade de gênero. Quatro estados elegeram mulheres pela primeira vez em 90 anos de OAB, por exemplo. No entanto, o caminho para a igualdade de gênero e racial dentro da entidade que representa os advogados brasileiros permanece estreito. A falta de diversidade e a hegemonia de homens brancos no poder se perpetuam por oito décadas. No Conselho Federal da OAB, por exemplo, desde 1933 nenhuma mulher ou negro ocupou a presidência.
ECONOMIA

Leia Também:  Exportações brasileiras de rochas ornamentais sobem 44% no 1º semestre

Mercado projeta inflação maior em 2021 | Brasil | Valor Econômico
O mercado financeiro prevê que a inflação oficial do país, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), ficará acima de 5% em 2022. Caso a projeção seja confirmada, representará o estouro da meta pelo segundo ano consecutivo. A informação consta do relatório Focus, divulgado nesta segunda-feira (6) pelo Banco Central (BC). As projeções foram colhidas na semana passada com mais de 100 instituições financeiras. A meta central de inflação para o ano que vem, definida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), é de 3,5% e será considerada formalmente cumprida se ficar entre 2% e 5%. O mercado financeiro, porém, já projeta 5,02%.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA