Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

MT

EXPOSIÇÃO: Artista visual realiza exposição de miniaturas em Primavera do Leste

Publicados

em

O artista visual Giovani Gabriel realiza de 25 a 31 de maio, a Exposição Réplicas da Vida. A mostra conta com 20 obras miniaturas chamadas de dioramas. Contemplado no edital MT Nascentes, da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT), a exposição será no Salão das Águas, na Secretaria de Cultura, Turismo, Lazer e Juventude de Primavera do Leste.

As obras representam cenas do cotidiano, em sua maioria fictícia, inspirada em locais comuns, presentes no dia a dia do cidadão primaverense. Também em diferentes épocas e lugares de Mato Grosso e do país.

“Algumas das obras reproduzem locais que são patrimônio histórico da nossa região, como a sepultura da Velha Joana, primeira moradora do local onde foi instalada a cidade de Primavera do Leste, e também casas antigas do centro histórico de Poxoréu”, destaca Giovani.

De acordo com o artista, a ideia do projeto surgiu a partir da paixão pela história, arquitetura, carros antigos e pelo cenário brasileiro que às vezes passam despercebidos aos olhos, tudo isso somado ao nível de detalhamento realista que gosta de reproduzir em seus dioramas e maquetes.

Leia Também:  Rádio Assembleia é parceira de festival que reúne cerca de 200 artistas locais

Em razão das medidas de biossegurança e prevenção da covid-19, para visitar a mostra será obrigatório o uso de máscara. No local haverá álcool em gel para a higienização das mãos.

Serviço

Exposição “Réplicas da Vida”

Data: de 25 a 31 de maio de 2021

Horário: segunda a sexta-feira, das 7h às 13h; sábado e domingo, das 14h às 18h

Local: Salão das Águas – SECULT, localizado na Avenida dos Lagos, 2602 – Parque das Águas, Primavera do Leste-MT.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ARTE & CULTURA

Produção de escritores mato-grossenses intensivistas estará disponível em biblioteca digital

Publicados

em

Por

No próximo domingo (20.06), às 17h, será lançado o site do projeto “Criação da Biblioteca Digital do Intensivismo”, da professora e pesquisadora Cristina Campos, aprovado no edital Mato Grosso Criativo realizado pela Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT).

O lançamento será transmitido nos canais do Programa de Pós-Graduação em Estudos Literários da Universidade do Estado de Mato Grosso (PPGEL/Unemat), da Revista Pixé Canal Literário e da Editora Carlini & Caniato.

Após o evento de lançamento, a Biblioteca Digital do Intensivismo estará disponível no endereço eletrônico www.intensivismo.com.br. O site hospedará periódicos, documentos e livros referentes ao Intensivismo, movimento literário de vanguarda que aconteceu em Mato Grosso a partir do final dos anos 1940.

Cristina Campos acredita que a disponibilização do acervo digital fomentará a pesquisa acerca desta face da produção literária do Modernismo em Mato Grosso. “O material é de difícil acesso, pois se encontra disperso por acervos familiares e bibliotecas. Venho coletando e digitalizando ao longo de muitos anos”.

O secretário de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT), Alberto Machado, destaca a importância da disponibilização do acervo. “A digitalização deste segmento literário mato-grossense é muito importante para a valorização da nossa cultura. Permitirá a ampliação do acesso a obras de grandes pensadores, escritores do nosso Estado”.

Leia Também:  Avião da FAB com pacientes de Manaus pousou em Cuiabá sem intercorrências com os pacientes

Além do site, foram produzidos três folders destinados a professores do 3º ano do 2º grau, professores e alunos de Letras e Pós-graduação em Estudos Literários e Cultura Mato-grossense.

Eles trazem informações sobre o movimento, alguns manifestos assinados por Wlademir Dias Pino, além de poemas de tradicionais e jovens autores intensivistas. “Funcionarão como tira-gosto, a fim de despertar o interesse pelo Intensivismo”, destaca Cristina Campos.

O Intensivismo foi reconhecido pela Lei nº 9.244, de 18 de novembro de 2009, como forma de manifestação literária e cultural mato-grossense. Destaca-se pelo simbolismo duplo e superposição de leituras em substituição da concreção da fala. Os poemas são desmontáveis como em um procedimento matemático.

Dentre os escritores de maior expressão deste movimento estão: Wlademir Dias Pino, Benedito Santana da Silva Freire, Rubens de Mendonça, Dias da Cruz, José Lobo, Lopes de Brito, Newton Alfredo, Amália Verlangieri, Agenor Ferreira Leão e Antônio Costa.

Serviço

Live de lançamento do projeto “Criação da Biblioteca Digital do Intensivismo”

Data: 20 de junho de 2021

Leia Também:  Secel apresenta informações de editais que irão fomentar mais de 500 projetos culturais

Horário: 17h

Local: Canal de Youtube do PPGEL/Unemat, da Editora Carlini & Caniato e da Revista Pixé Canal Literário

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA