Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

INFORMATIVO

Cartilha da Secel orienta sobre prestação de contas de projetos culturais

Publicados

em

Para facilitar a adequada prestação de contas dos projetos selecionados nos editais da Lei Aldir Blanc,  a Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel/MT) publicou uma nova cartilha orientativa. No material, os proponentes encontram as orientações sobre os procedimentos para a correta demonstração e comprovação da realização ações.

A cartilha de prestação de contas está disponível no site www.cultura.mt.gov.br/editais na lista de anexos de cada edital ou diretamente por AQUI.

De início, a cartilha indica as releituras do projeto aprovado, do edital e do termo de compromisso especial para garantir a execução das ações de acordo com o que foi proposto. O material também destaca a importância da apresentação de orçamentos e da emissão notas fiscais autênticas.

Dentre outras orientações, há ainda diretrizes sobre movimentação financeira, comprovações de transporte, de aquisição de material de consumo e de serviços, bem como de contração de pessoal, além de informações sobre identidade visual e uso de marcas.

A Secretaria também escalou mais de 20 servidores dedicados no auxílio e acompanhamento da realização das atividades, prestando todas as informações necessárias, seja por meio dos telefones institucionais ou pelos e-mails dos editais. A equipe é responsável por dirimir todas as dúvidas, construindo de forma colaborativa com o proponente a melhor forma de atingir os objetivos propostos.

Leia Também:  Festival do documentário musical começa amanhã em plataforma digital

“É muito importante que tenhamos boas experiências culturais proporcionadas para a sociedade, mas ao mesmo tempo que consigamos garantir a boa utilização dos investimentos público, com eficácia e transparência”, declara o titular da Secel, Alberto Machado.

Lei Aldir Blanc em Mato Grosso

A Lei Aldir Blanc está sendo um importante marco no desenvolvimento da cultura. Em Mato Grosso, o governo do Estado, por meio da Secel, gerenciou mais de 29 milhões em editais. São 570 projetos aprovados de proponentes de diversas cidades mato-grossenses, e que irão movimentar ao longo de 2021 o cenário cultural.

Os editais promovidos pela pasta estadual prezaram pela ampliação do acesso, na facilitação e desburocratização da inscrição, o que gerou um saldo muito positivo de participação de trabalhadores e trabalhadoras da cultura que nunca antes havia conseguido acessar recursos públicos.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ARTE & CULTURA

Carlina Jacob é nova secretária de Cultura de Cuiabá: ‘De tchapa e cruz’

Publicados

em

A produtora cultural Carlina Jacob foi anunciada hoje (18) como a nova secretária de Cultura de Cuiabá. Segundo o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), é uma cuiabana “de tchapa e cruz”, além de ter bom trânsito e articulação junto aos setores cultural e turístico da capital.

“É uma pessoa que tem grande penetração e ótima articulação no setor cultural da capital. Se dedica há décadas à cultura e ao turismo em Cuiabá. Uma cuiabana ‘de tchapa e cruz’, da minha relação pessoal, inclusive amiga pessoal minha e da minha família”, anunciou o gestor.

O prefeito explicou que Carlina se encaixa em um novo perfil de gestão que ele quer dar à pasta da Cultura, um perfil mais empreendedor.

“É um perfil diferente que quero dar à pasta: além da valorização dos artistas, valorização do setor cultural, ela, como produtora cultural do setor executivo, tem um perfil maior de execução, de engajamento para buscar apoio em Brasília, com autoridades municipais, estaduais ou federais. Quero agregar à pasta um perfil mais de empreendedor e isso Carlina Jacob também traz. Então, é uma indicação técnica, política e pessoal de uma grande companheira, uma grande amiga, que tem uma ótima relação com setor cultural cuiabano”.

Leia Também:  DOS DEUSES: Restaurante italiano amplia cardápio com corte bovino e risoto inédito

Empresária e promotora de eventos de sucesso em Cuiabá, é dona da empresa Carlina Promoções e Eventos. Segundo Pinheiro, foi também uma das maiores defensoras de sua reeleição e, quando surgiram boatos de que extinguiria o Conselho de Cultura durante a campanha, ajudou a provar que eram ‘fake news’.

“Fez a defesa da nossa gestão e, desde o primeiro turno, foi uma grande companheira e uma grande guerreira em defesa da nossa candidatura à reeleição. Liderou o movimento contra a extinção do Conselho Municipal de Cultura, quando esse absurdo veio à tona durante a campanha eleitoral”, explicou.

O grupo RDM deseja sucesso nessa empreitada para profissional de grande reconhecimento em todo Estado. E nos colocamos em plena disposição para contribuir com o setor cultural. 

Por: UNICANEWS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA