Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

Agronegócio

Negócios da soja parados no Brasil

Publicados

em

O mercado brasileiro esteve parado nesta quinta-feira (06.12), com zero de oscilação nos preços pagos nas praças internas, segundo apurou a pesquisa diária do Cepea. Já na exportação, embora também os negócios estejam parados, as cotações dos compradores caíram 0,68%, para R$ 80,10/saca sobre rodas nos portos, aumentando a queda em dezembro para 3,24%, segundo a mesma pesquisa do Cepea.

FUNDAMENTOS

Os mapas climáticos analisados pelos consultores da Consultoria AgResource trazem a reafirmação do padrão de chuvas escassas sobre o Médio-Sul do Brasil e a intensificação das precipitações no Médio-Norte, nestes próximos 5 dias: “Entretanto, a partir do dia 11 dezembro, índices pluviométricos entre 40-50mm acumulados voltam a regar a região Sul do Brasil. No mesmo período, o cenário climático se torna mais árido para o Centro e Nordeste.

“Na Argentina, que passa pelo mesmo intervalo da falta de chuvas no curto prazo, também será beneficiada com totais significantes, em meados deste mês. O plantio da soja argentina acelerou nestes últimos dias, atingindo 56% nesta semana. O milho de segunda safra de nossos ‘hermanos’ também começa a ser semeado, com um progresso total em torno dos 47%, atualmente”, concluem os analistas da ARC.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Bioestimulantes melhoram crescimento de hortaliças

Propaganda

Agronegócio

MT: pesquisa atualiza dados da safra de grãos e fibras no estado

Publicados

em

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a partir desta semana, começa a levantar as informações que irão atualizar os números da safra de grãos e fibras do estado de Mato Grosso para o 1º Levantamento a ser divulgado pela Companhia, em âmbito nacional, no dia 8 de outubro próximo. Em função do afastamento social imposto pela COVID-19, todo o trabalho de coleta das informações será realizado remotamente, com apoio da rede de informantes.

Serão ouvidos analistas, escritórios que prestam serviços de assessoria técnica, produtores e revendas de insumos, entre outros. O objetivo é a sondagem de informações sobre as questões fitotécnicas e de mercado que influenciam a produção tais como área plantada, perspectivas de produtividade, influência climática, ataque de pragas e doenças, colheita, comercialização e demais dados relativos às culturas examinadas.

A pesquisa vai analisar o cenário atual das culturas de milho, soja, feijão, algodão, girassol, gergelim, mamona e arroz com foco na semeadura da safra 2020/2021 e a colheita e  comercialização das safras 2019/20 e 2020/21. As informações serão colhidas em 77 municípios mato-grossenses que detém expressiva produção de grãos. Durante a realização dos trabalhos será possível também, avaliar o percentual de área semeada com soja, condições climáticas e estimar a área que será destinada a outras culturas de valor econômico no estado.

Leia Também:  11° Congresso Brasileiro do Algodão começa em Maceió, nesta terça-feira

CONAB – COMPANHIA NACIONAL DE ABASTECIMENTO

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

POLÍTICA

POLÍCIA

AGRONEGÓCIO

ECONOMIA

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA