A produção global de açúcar na temporada 2017/18 deve ter um superávit de 4 milhões de toneladas, estimou a Organização Internacional do Açúcar (OIA), em relatório mensal divulgado nesta quinta-feira, 10.

Analistas do FO Licht e Rabobank projetaram um superávit de 5,4 milhões e 2,7 milhões, respectivamente, para a temporada 2017/18. Embora o processamento de cana-de-açúcar no Centro-Sul do Brasil esteja 6,13% abaixo do que foi reportado em meados de julho de 2016, a OIA disse que o clima mais seco na região deve ajudar a colheita e acelerar a moagem novamente.

Após um período de altas de preço em julho, a diferença no prêmio entre o açúcar bruto e o branco atingiu o menor nível desde maio de 2015, segundo o relatório da organização. A melhora de 5,3% nos preços do demerara em julho foi sustentada por uma correção técnica e cobertura de posições vendidas, disse o economista da OIA Sergey Gudoshnikov. Fonte: Dow Jones Newswires.

Crédito: Estadão Conteúdo

No Banner to display

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>