Os visitantes da 53ª Expoagro poderão apreciar um pouco do artesanato mato-grossense, exposto no estande do governo. Os itens são frutos do trabalho de 15 artesãos e trabalhadores manuais e estão disponíveis para comercialização. A oportunidade de conferir e adquirir as peças segue até este domingo (16.07), no Parque de Exposições Senador Jonas Pinheiro, em Cuiabá.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

André Toledo está entre os expositores com seu material pedagógico e educativo confeccionado em madeira. São brinquedos divertidos que despertam a curiosidade tanto dos adultos como da garotada. Em alguns deles o segredo está na concentração e planejamento na hora de agir para vencer o adversário. “Mais uma vez integramos o evento, o espaço está lindo, bem arrumado. Está localizado do lado esquerdo da entrada principal do parque, na réplica do Palácio Paiaguás. Estamos divulgando nosso trabalho e prontos para atender a clientela”, pontuou.

Cleonice Monzilar e a filha Perla Monzilar concordam que este ano as vendas estão menores e até arriscam um palpite que talvez seja por conta da crise. Mesmo enfrentando um cenário diferente do que o habitual em eventos, elas apostam que a qualidade e variedade de produtos possam despertar o interesse dos expectadores. “Produzimos bijuterias de sementes e casca de coco, colar, pulseiras. O preço das peças são bem acessíveis, além de uma variedade de modelos em cada item”, destacou Cleonice, que utiliza também a pena como ingrediente em algumas de suas peças.

Mas, no espaço do artesanato há muito mais, como por exemplo, chinelos personalizados, artesanato indígena, pinturas em tela, guloseimas da gastronomia regional. Além de portas pratos, porta pão, capa de fogão e de garrafão de água, bolsas, aventais, puxador de geladeira, entre outros que dão um toque especial na sua cozinha, baseado na inspiração da artesã Rosilene Amorim. Ela também produz tapetes de crochê e peças de patchwork.

“Sempre participo alugando espaço, mas este ano estamos expondo em espaço cedido pelo governo”, lembrou Rosilene, deixando seu convite para que todos contemplem o artesanato.

Crédito: Eliana Bess | Sedec-MT
Banner final post

Powered by WP Bannerize

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>